Brasil não absorve impacto da legalização

Vereador Valdemir Soares PRB-PR

 

Não é preciso liberar a maconha para orientar a população sobre os malefícios que o uso da droga causa. Na minha visão, os usuários têm que ser protegidos deles mesmos, pois o uso recorrente de maconha os leva a autodestruição. Os prejuízos físicos e psicológicos que o entorpecente acarreta ninguém pode contestar, além do impacto social que o país não conseguiria absorver com a legalização.

No Brasil, não há médicos qualificados e profissionais de saúde habilitados para o tratamento de pessoas que usam drogas, nem tampouco leitos hospitalares e vagas em ambulatórios para a demanda. Também não há melhoria na qualidade do atendimento à população em geral e muito menos incentivo aos pesquisadores para realização de estudos nas áreas de prevenção e tratamento.

Sem a legalização, mas com informações adequadas sobre riscos e consequências do consumo de drogas evitaríamos o uso por muita gente. Entretanto, com a liberação ocorreria o contrário: a droga se disseminaria e ganharia muitos novos usuários que, somente pelo fácil acesso se convenceriam a experimentar.

Minha maior preocupação é com os jovens que estão construindo sua trajetória de futuro e precisam explorar o potencial nos estudos, esportes, em atividades com resultados garantidos pra o sucesso e não podem atrelar à juventude a diminuição da produtividade pelo uso de drogas. Não merecem ser iludidos pela fama enganosa da maconha, como foi com o cigarro há décadas atrás que conquistou novos fumantes, os quais hoje sofrem as consequências, sem mencionar os que morrem diariamente.

A liberação da maconha é no mínimo desastrosa. Além de alunos dormindo e desconcentrados durante as aulas, vamos pensar na dificuldade em identificar os compradores da maconha para uso recreativo ou medicinal, considerando ainda que o ciclo do tráfico não vai parar e a demanda que não vai acabar.

 

* Valdemir Soares é vereador pelo PRB e presidente da Frente Parlamentar Contra o Crack e Outras Drogas da Câmara Municipal de Curitiba (PR)

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal, Rosangela Gomes (PRB-RJ)

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Quer fazer um
Curso de Política GRATUITO?

Preencha para receber seu acesso ao curso!