Costureiras de comunidades e detentas produzem uniformes para alunos da rede municipal

Costureiras de comunidades e detentas produzem uniformes para alunos da rede municipal

Serão confeccionadas 100 mil camisetas. Iniciativa segue determinação do prefeito Marcelo Crivella de criar postos de trabalho e gerar renda no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro (RJ) – Costureiras de cooperativas de comunidades cariocas e detentas da Penitenciária Talavera Bruce estão ajudando na confecção dos uniformes dos alunos da Rede Municipal de Ensino do Rio de Janeiro. A iniciativa inédita é fruto da determinação do prefeito Marcelo Crivella (PRB), que estabeleceu como meta prioritária criar postos de trabalho e gerar renda para a população mais carente, além de contribuir com a reabilitação das presas. O aproveitamento da mão de obra foi acordada pela Secretaria Municipal de Educação e a empresa responsável pela produção das peças.

“A Prefeitura está usando o seu poder de compra para fortalecer as cooperativas com mão de obra local. Com isso, cria uma opção de renda para nosso bravo povo trabalhador e impulsiona o desenvolvimento econômico nas áreas mais vulneráveis da cidade”, ressaltou o prefeito.

Serão produzidas pelo menos cem mil camisetas por costureiras e detentas. Todas as peças passam pelo controle de qualidade da empresa responsável pela fabricação dos uniformes. As camisetas já são entregues cortadas para que costureiras e detentas façam os fechamentos das blusas. No total, serão entregues aos alunos da rede municipal cerca 1, 3 milhão de camisetas (duas para cada um) neste ano letivo. A produção foi iniciada no ano passado.

As costureiras das cinco cooperativas já demostraram que são mestres na função, ao produzirem as peças-piloto que comprovaram suas habilidades. Já o trabalho das presas da Talavera Bruce está sendo conduzido pela Fundação Santa Cabrini.

Moradora do Morro da Providência, Marcia Raquel Alves de Araújo, 47 anos, aprovou a iniciativa da Prefeitura. “Na cooperativa, eu consigo fazer uma renda e aprender uma nova profissão. Essa chance está abrindo portas. É uma oportunidade de contribuir para que as crianças sejam identificadas quando forem à escola, e nós vamos saber quem fez”, disse, sem esconder o orgulho.

Desempregadas, Ana Beatriz Souza Kellel, 31, e Marcia Alves dos Santos, 42, comemoraram a oportunidade. “Está todo mundo sem trabalho e precisando de dinheiro. É uma chance de fazer renda”, disse Marcia.

Texto: Ascom – Prefeitura do Rio de Janeiro
Fotos: Jonatha Soares 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Rosangela Gomes (PRB-RJ):

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Receba as novidades do PRB no seu e-mail

Boletim 10: enviado às segundas-feiras. Não enviamos spam.