Ministro do Esporte apresenta os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas em Fórum da ONU, em Nova York

Ministro do Esporte apresenta os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas em Fórum da ONU, em Nova York

Os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas serão disputados entre os dias 20 de outubro e 1º de novembro, em Palmas (TO).

 

Nova York (EUA) – Diante de um público com indígenas do mundo inteiro, da Rússia à Nicarágua, passando por Polinésia e Canadá, o ministro do Esporte, George Hilton (PRB), apresentou na última sexta-feira (24), em Nova York, os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas, que serão realizados no mês de outubro em Palmas (TO). “Os Jogos servirão não só para celebrar o modo de vida em harmonia com a natureza, mas também para preservar e valorizar a cultura e a diversidade dos povos indígenas em todos os cantos da Terra”, discursou o ministro.

O evento de apresentação fez parte da programação do Fórum Permanente sobre Questões Indígenas, na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), e teve a mediação do embaixador Antonio Patriota, chefe da Missão Diplomática do Brasil na ONU. Participaram da mesa o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, o diretor do Comitê Intertribal e articulador internacional dos Jogos, Marcos Terena, o líder indígena canadense Wilton Littlechild, e o diretor executivo dos Jogos Mundiais, Luiz Lobo. O secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, Carlos Geraldo, também participou do evento.

O ministro do Esporte havia se reunido na véspera com a diretora do Programa das Nações Unidas para o desenvolvimento (PNUD), Jessica Faieta, entidade parceira do governo federal, da prefeitura de Palmas e do Comitê Intertribal na realização dos Jogos Mundiais. Por pedido do próprio PNUD, os Jogos Mundiais, previstos inicialmente para setembro, serão disputados entre 20 de outubro e 1º de novembro. Com isso, não haverá choque de datas com a Assembleia-Geral da ONU.

George Hilton (PRB-MG) lembrou que os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas farão parte de um ciclo virtuoso do Brasil na organização de grandes eventos: “Discutimos o pacto global de sustentabilidade na Rio-92; voltamos a, depois de 40 anos, reunir os países das Américas para uma congratulação por meio do esporte, com os Jogos Pan-Americanos do Rio, em 2007; organizamos com sucesso a Copa do Mundo de Futebol, em 2014; e nos preparamos para o maior de todos os eventos globais, os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016”, declarou.

O prefeito Carlos Amastha, colombiano de nascimento, agradeceu o apoio do Ministério do Esporte e destacou que o mundo vai conhecer, por meio de um evento de tamanha importância, as belezas de Palmas e de Tocantins. “Não nasci em Palmas, não nasci no Brasil. Sou o primeiro estrangeiro prefeito de uma cidade brasileira. E os indígenas, primeiros moradores do Brasil, foram os primeiros a me receber de braços abertos”, disse.

Idealizador dos Jogos Mundiais, Marcos Terena destacou que 43 nações demonstraram interesse em participar do evento. Ao informar que até o Vaticano pretende enviar representante, Terena arrancou gargalhadas da plateia com uma provocação aos eternos rivais argentinos: “Não sei se os indígenas argentinos querem envolver o papa Francisco na história para ganhar os Jogos”, brincou o diretor do Comitê Intertribal.

O líder canadense Wilton Littlechild, organizador de campeonatos indígenas na América do Norte, lembrou que realizou a primeira competição no Canadá em 1971. “Congratulo os povos indígenas do mundo inteiro por este dia histórico. O sonho que começou em 1971 está prestes a se concretizar.”

Modalidades

Os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas reunirão mais de dois mil atletas de aproximadamente 40 etnias. O programa de competição inclui desde modalidades indígenas tradicionais, como corrida de tora, cabo de força, arco e flecha e xikunahati (futebol de cabeça), até esportes olímpicos, como natação, atletismo e futebol.

O evento, no entanto, vai muito além da disputa esportiva. Haverá um fórum de discussão de questões indígenas, como o direito à terra e as mudanças climáticas, feira de agricultura familiar, mostra de artesanato e apresentações culturais.

 Texto e foto: Paulo Rossi / Ascom – Ministério do Esporte
Edição: Agência PRB Nacional de Notícias

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest