George Hilton participa da abertura do Training Camp da seleção de saltos ornamentais

george-hilton-prb-participa-da-abertura-do-training-camp-da-selecao-de-saltos-ornamentais-foto-ascomministeriodoesporte-19-01-15-01

Abertura do campeonato também contou com a presença da secretária do Esporte e Lazer do DF, Leila Barros

Brasília (DF) – A abertura oficial do 2º Training Camp foi realizada nesta segunda-feira (19/01), com a presença do ministro do Esporte, George Hilton (PRB), do secretário nacional de Alto Rendimento da pasta, Ricardo Leyser, do reitor da UnB, Ivan Camargo, e da secretária do Esporte e Lazer do Distrito Federal, a ex-jogadora de vôlei Leila Barros (PRB-DF).

“O projeto do Ministério do Esporte passa pelo esporte educativo e pelas parcerias com universidades como a UnB, para que não só o alto rendimento tenha excelência, mas para que em todos os cantos do país haja crianças na prática esportiva”, disse o ministro George Hilton.

“A partir do momento em que o Brasil ganhou o direito de sediar os Jogos Olímpicos – em outubro de 2009 – o Ministério do Esporte conseguiu a atenção que tanto reivindicou, transformando o alto rendimento, criando a Rede Nacional de Treinamento e apoiando a base. Aqui treinam atletas que vão nos representar não só em 2016, mas em 2020, 2024 e talvez em 2028”, acrescentou o secretário Ricardo Leyser.

Após a cerimônia de abertura, os atletas – tanto da base quanto da Seleção – fizeram uma apresentação de saltos individuais e sincronizados. Durante a semana, eles farão exames físicos, testes psicológicos, preparação física, treinamentos estratégicos e terão atividades livres com seus treinadores.

“São 16 atletas da seleção principal e trouxemos mais oito atletas da seleção juvenil, além de oito técnicos, psicólogo, fisioterapeuta, massagista, uma equipe completa para que o atleta se desenvolva ao máximo. E a estrutura daqui é a mesma que tem na China, na Rússia, no México, as grandes potências. Isso faz toda a diferença, porque hoje os nossos atletas não precisam sair do Brasil para treinar”, disse o coordenador técnico da Seleção Brasileira e coordenador do Centro de Excelência, Ricardo Moreira.

george-hilton-prb-participa-da-abertura-do-training-camp-da-selecao-de-saltos-ornamentais-foto-ascomministeriodoesporte-19-01-15-02Integração

Para o atleta Hugo Parisi, o mais importante do período de treinos é o fortalecimento da equipe. “O principal objetivo é a troca de informações e criar o que, na minha opinião, ainda falta um pouco, que é o espírito de equipe”, disse.

“É um evento essencial para a integração dos melhores atletas com os técnicos, aproveitando uma estrutura que nem todo mundo tem no dia a dia. Esse tipo de treinamento tem que ser periódico”, reforçou Giovani Casilo, integrante da Comissão de Treinadores da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) e um dos pioneiros da modalidade no país.

O Brasil já tem vaga garantida na disputa de saltos sincronizados nos Jogos Olímpicos Rio 2016, mas é necessário garantir lugar nas disputas individuais. Duas competições de 2015 dão essa chance aos atletas: o Mundial de Desportos Aquáticos em Kazan (Rússia), em julho, quando os 12 finalistas garantirão vaga nas Olimpíadas, e os Jogos Pan-Americanos de Toronto (Canadá), em agosto, que carimba o passaporte para o vencedor de cada prova olímpica.

Estrutura

O Centro de Excelência em Saltos Ornamentais é o primeiro da modalidade no Brasil e foi inaugurado em março de 2014. É resultado de uma parceria entre a UnB e o Ministério do Esporte, que investiu R$ 800 mil na estrutura do espaço, compra de equipamentos e contratação de profissionais.

Na piscina, há três plataformas (5m, 7,5m e 10m), seis trampolins (dois de 3m e quatro de 1m), cintos de segurança e ainda será instalada uma máquina de bolhas, que amortece a queda dos atletas na água. A estrutura também conta com equipamentos para treinos fora da água: um ginásio com trampolins, piscina de espuma, camas elásticas, cintos de segurança e sistema de vídeo.

“Eu vim aqui em agosto e a gente sofreu com a temperatura da água, porque era inverno, mas eles falaram dos projetos que tinham. E eu não imaginava chegar aqui em janeiro e estar tudo pronto, com a piscina aquecida, trampolins extras, a plataforma de 7,5 metros. É uma estrutura muito bacana, realmente não tem nada parecido no Brasil. Para quem está começando, nem se compara com o que era na minha época”, disse Juliana Veloso, atleta com quatro participações olímpicas e que sonha com a quinta, em casa, diante da família e dos amigos.

“Ia ser um grande sonho, com meus moleques na arquibancada. Isso é o que mais me motiva, porque não recebo nada de ninguém. O único apoio que tenho é o Bolsa Atleta. Sem ele, eu não estaria saltando hoje”, disse.

Bolsa Atleta

Em 2014, as cinco modalidades dos esportes aquáticos olímpicos e paraolímpicos (natação, saltos ornamentais, polo aquático, nado sincronizado e maratonas aquáticas) tiveram 885 beneficiados com o Bolsa Atleta. Desse total, os Saltos Ornamentais tiveram 31 atletas com bolsa, sendo três na categoria olímpica, seis na internacional e 22 na categoria nacional. Ao todo, o Governo Federal investiu R$ 10,6 milhões nessas bolsas, no período de um ano.

Além dessas, outros 34 atletas olímpicos e paraolímpicos dos esportes aquáticos têm a Bolsa Pódio (dez da natação olímpica, 19 da paraolímpica e cinco das maratonas aquáticas), que totalizam um investimento de R$ 4,9 milhões no ano.

Rede Nacional

O Centro de Excelência em Saltos Ornamentais da UnB integra a Rede Nacional de Treinamento – um dos principais projetos de legado dos Jogos 2016. A Rede foi criada pela Lei Federal 12.395, de março de 2011, e possibilita o investimento em instalações, equipamentos e tecnologias para detecção de talentos, formação de base e treinamento de atletas e equipes, com foco em modalidades olímpicas e paraolímpicas. O objetivo é interligar as instalações já existentes ou em construção e criar condições para a formação de uma infraestrutura esportiva de qualidade para o país.
Fonte e foto: Ascom – Ministério do Esporte

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o email: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para o deputado Sérgio Reis (PRB-SP)

dep.sergioreis@camara.leg.br
ou (61) 3215.5213

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest