Em Brasília, presidente da CBJ demonstra apoio ao ministro do Esporte

em-brasilia-presidente-da-cbj-demonstra-apoio-ao-ministro-do-esporte-foto-ascomministeriodoesporte-09-01-15

Wanderley manifestou apoio ao novo titular da pasta e apresentou as ações, por meio da parceria com o governo federal, que possibilitam a evolução da modalidade que mais deu medalhas olímpicas para o Brasil

 

Brasília (DF) – O ministro do Esporte, George Hilton (PRB), recebeu nesta sexta-feira (09/01), em Brasília, o presidente da Confederação Brasileira de Judô (CBJ), Paulo Wanderley Teixeira. Na reunião, Wanderley manifestou apoio ao novo titular da pasta e apresentou as ações, por meio da parceria com o governo federal, que possibilitam a evolução da modalidade que mais deu medalhas olímpicas para o Brasil (19 até o momento). “Achei a oportunidade importante para apresentar o judô brasileiro ao novo chefe do esporte nacional. A visita foi bastante produtiva e agradável”, disse Wanderley.

O presidente da CBJ ressaltou as iniciativas conjuntas com o ministério que garantem ao judô brasileiro continuar sendo uma referência mundial. “Temos uma parceria muito forte e estamos bem alinhados com a política do Ministério do Esporte. Quatro convênios em andamento permitem apoio às seleções de base, pensando nos Jogos Olímpicos de 2020. Temos também a questão de fomento à modalidade com a capacitação técnica de profissionais da área e a realização dos campeonatos brasileiros e o Grand Prix nacional”, explicou.

Além do apoio aos atletas, Wanderley destacou que o Plano Brasil Medalhas contempla técnicos e equipes multidisciplinares dos clubes. “Dentro do plano do governo, há um projeto muito importante que dá assistência também ao ‘entorno’ do atleta, que são os técnicos dos clubes e das seleções. Esse apoio atende ainda os profissionais que auxiliam na preparação física, médica e nutricional dos esportistas nos clubes”, afirmou.

Centro Pan-Americano

O Centro Pan-Americano de Judô, no município baiano de Lauro de Freitas, já oferece aprimoramento técnico aos profissionais da modalidade e servir para aclimatação de delegações que vão participar dos Jogos Olímpicos de 2016. “O centro é um projeto que nasceu da parceria entre Ministério do Esporte, governo da Bahia, CBJ e patrocinadores. Entramos na casa e estamos na fase de acerto, mas já temos profissionais dentro da estrutura nessa etapa de implantação e, até o final de março, vamos começar a fazer eventos e treinamentos dentro do Centro Pan-Americano”, revelou Paulo Wanderley.

O Centro Pan-Americano de Judô, que integrará a Rede Nacional de Treinamento, conta com o que há de mais moderno para a prática do judô: ginásio climatizado para treinamentos e competições, alojamentos, auditório, academia, restaurante, piscina, salas de apoio e arquibancada para 1,9 mil lugares. A construção teve investimento de R$ 43,2 milhões, sendo R$ 19,8 milhões da União e R$ 18,3 milhões do estado da Bahia. Já a CBJ aportou R$ 5,1 milhões para fazer o projeto executivo da instalação e comprar uma parte dos equipamentos e do mobiliário. A confederação também terá apoio do ministério para contratação de equipes técnicas e compra de outros equipamentos esportivos e mobiliário.

2015 – ano chave

Em 2015, os judocas brasileiros encaram duas competições importantes: os Jogos Pan-Americanos, em julho, no Canadá, e o Campeonato Mundial, no Cazaquistão, no fim de agosto. O presidente da CBJ diz que o país levará os principais atletas para bem representar o país nas duas competições. “O governo e o Comitê Olímpico do Brasil (COB) estão investindo muito na preparação dos atletas nacionais, e os Jogos Pan-Americanos no Canadá fazem parte do processo. Não podemos desprezar essa competição, que é de alto nível para o continente americano. O judô vai com a força máxima para o Pan, até porque é um parâmetro para os Jogos Olímpicos. A nossa expectativa é ter um bom resultado nos Jogos, pois no feminino, por exemplo, o continente é muito forte, com adversárias que são medalhistas mundiais e olímpicas”, acentuou.

Texto: Breno Barros
Foto: Ascom – Ministério do Esporte

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e ajudar a gente a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest