Wellington Moura quer ampliar o exame de triagem neonatal em São Paulo

wellington-moura-prb-quer-ampliar-o-exame-de-triagem-neonatal-em-sao-paulo-foto-ascom-19-10-15

Wellington Moura explica que o Teste de Triagem Neonatal, na modalidade ampliada, pode diagnosticar doenças raras, o que não é possível fazer com a triagem convencional fluorimétrica.

 

São Paulo (SP) – O deputado estadual Wellington Moura (PRB-SP) apresentou o Projeto de Lei nº 1303/2015, que prevê realização do Teste de Triagem Neonatal, o teste do pezinho, na modalidade ampliada, em Espectromia de Massa em Tandem (EIM), em crianças nascidas nos hospitais e demais estabelecimentos de atenção à saúde da rede pública do Estado de São Paulo.

A proposta foi elaborada em parceria com a Associação Paulista de Familiares e Portadores de Mucopolissacaridoses e Doenças Raras (APMPS-DR), entidade comprometida com a promoção de políticas públicas específicas para pacientes com doenças raras em todo o território nacional.

Moura explica que a Espectrometria de Massa em Tandem (EMT) é uma tecnologia que permite tirar de uma única amostra, mais de 30 Erros Inativos do Metabolismo (EIM), o que não é possível fazer com a triagem convencional fluorimétrica. Para o republicano, “a ampliação do teste do pezinho pode contribuir expressivamente para o progresso da saúde pública, uma vez que com o diagnóstico e tratamentos precoces dos problemas com a saúde dos recém-nascidos, seria possível uma substancial racionalização dos gastos públicos com a assistência médico-hospitalar”. Segundo ele, uma boa parte dos hospitais particulares já realizam o exame na modalidade ampliada.

Exame

O teste é feito no sangue e a coleta é realizada por meio de um pequeno furo, geralmente no calcanhar do recém-nascido, e as gotinhas de sangue são coletadas em um papel especial (um tipo de filtro). O teste básico já é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) para anemia falciforme, hipotireoidismo congênito e fenilcetonúria. Pelo texto, o exame deverá ser aplicado na alta hospitalar, independente das condições de saúde do recém-nascido e os resultados deverão ser encaminhados no prazo de até dez dias.

 

Texto: Miriam Silva / Ascom – deputado estadual Wellington Moura
Foto: Divulgação

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest