Sérgio Reis destaca que amparo da família é crucial para quem precisa vencer as drogas

Sérgio Reis destaca que amparo da família é crucial para quem precisa vencer as drogas

Sérgio Reis participou de audiência pública na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara que debateu o uso de drogas lícitas e ilícitas na infância e na adolescência.

 

Brasília (DF) – A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados promoveu na última semana uma audiência pública para debater o uso de drogas lícitas e ilícitas na infância e na adolescência. Para o deputado federal Sérgio Reis (PRB-SP), o amparo da família é vital para quem precisa vencer o vício.

Durante o encontro, o deputado do PRB deu um testemunho pessoal sobre os efeitos nocivos do cigarro. “Meu pai fumou ao lado da minha mãe por mais de 50 anos, e ela, como fumante passiva, foi quem morreu de enfisema pulmonar!”, declarou, acrescentando que a família precisa ficar atenta ao comportamento das crianças, dos jovens e dos adolescentes.

O republicano apoia projetos sociais no Estado de São Paulo que atende dependentes de drogas e álcool e tem uma visão clara sobre o assunto. Reis alerta que o uso de drogas lícitas e ilícitas na infância e na adolescência é um dos temas que mais preocupam as autoridades de saúde no Brasil, sobretudo devido ao avanço desenfreado do crack, uma droga considerada barata e mais acessível, mas de efeitos devastadores sobre a vida e a saúde da população.

Participaram do debate o secretário nacional de políticas sobre drogas, Vitore André Maximiano; o coordenador-geral de Saúde Mental, Álcool e outras drogas, do Ministério da Saúde, Roberto Kinoshita; e o representante da Sociedade Brasileira de Pediatria, João Paulo Lotufo.

Para o representante da Sociedade Brasileira de Pediatria, a prevenção é a forma mais eficaz de combate às drogas. João Paulo Lotufo, que atua há mais de 20 anos nessa área, ressaltou que o coma alcoólico, por exemplo, é hoje uma das grandes causas de mortes entre jovens e adolescentes, enquanto o uso da maconha leva a surtos psicóticos. As drogas lícitas, segundo ele, são a porta de entrada para as drogas ilícitas, como a cocaína, e precisam ser fortemente combatidas. Como medida radical de prevenção, ele defende que a política de restrição ao tabaco seja usada também em relação ao álcool. “A informação negativa precisa estar sendo dada diariamente. E tem que haver também a proibição da propaganda, a proibição da venda pública e a restrição ao uso”, alerta.

Já o secretário nacional de políticas sobre drogas afirma que o problema só será combatido de maneira eficaz se houver uma ação articulada entre os vários segmentos da sociedade. Vitore Andre diz que muito está sendo feito, mas aponta como principais problemas e desafios o uso precoce de drogas, que gera um risco emocional ao usuário; o uso abusivo de drogas associado à vulnerabilidade social, que expõe usuários a extremos Riscos; e o uso abusivo de drogas em si.

Fonte e foto: Ascom – deputado federal Sérgio Reis

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest