Ossesio Silva reivindica debate contra o racismo no futebol em Pernambuco

Ossesio Silva reivindica debate contra o racismo no futebol em Pernambuco

“Existe lei contra o racismo, mas não há ninguém preso. Temos que debater”, disse Ossesio

Recife (PE) – Na última segunda-feira (10), o estádio de São Januário no Rio de Janeiro, foi palco de um debate sobre preconceito no esporte. O Vasco abriu as portas para a divulgação do Relatório da Discriminação Racial do Futebol em 2015, elaborado pelo Observatório da Discriminação Racial do Futebol. No estudo, foram identificados 41 casos de discriminação no Brasil: 37 no futebol e quatro em outros esportes.

Seguindo o exemplo dos cariocas, para reforçar o combate à discriminação racial em Pernambuco, o deputado estadual Ossesio Silva (PRB-PE) solicitou ao Governo do Estado e a Federação Pernambucana de Futebol, a realização da mesa de debates sobre o combate à discriminação racial nos clubes e estádios de futebol no estado. “Iniciativas como essas tem que existir em todos os estados do nosso país. O caso de racismo é noticiado, gera repercussão, mas não encontramos informações das punições. Existe lei contra o racismo, mas não há ninguém preso. Temos que debater. O pior a se fazer é o silêncio, todos precisam lutar contra este tipo de acontecimento. Defendemos e acreditamos que os clubes de futebol prezam pela paz e pelo futuro do esporte. Atos como casos de racismo nos estádios são frutos de atitudes individuais e isoladas, que não condizem com a grandiosidade dos clubes pernambucanos”, justificou Ossesio.

A ação tem por objetivo conscientizar a população pernambucana de que racismo é crime. Fatos como o do torcedor do Clube Náutico Capibaribe que foi flagrado imitando um macaco para ofender a torcida adversária, durante o jogo Sport x Náutico, no domingo (28/02), provocou uma manifestação de repúdio do deputado. “Enquanto não punirmos exemplarmente os que infringem a Lei, cenas como essa vão se repetir. É inaceitável que em pleno século XXI tenhamos que ver cenas como essa. Racismo é crime e espero que atos como esse não fiquem impunes”, disse o deputado.

Ossesio Silva elogiou a postura da diretoria dos clubes envolvidos no episódio. “O Sport tomou as devidas providências, registrando um boletim de ocorrência relativo ao caso. E quero parabenizar também o Náutico por ter feito uma nota de repúdio e se colocado à disposição da polícia para identificar o torcedor”, pontuou. O parlamentar do PRB também destacou o objetivo da mesa de debates entre os órgãos governamentais, os clubes e a Federação, para enfrentar esses casos de racismo no futebol. “Essa ação vai mexer com a sensibilidade das pessoas. É um absurdo no meio esportivo vivermos situações de preconceito racial”, disse.

Texto: Thiago Gouveia / Ascom – deputado estadual Ossesio Silva
Foto: Jacqueline Calazans

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest