Comissão Mista de Combate à Violência contra a Mulher é criada com participação do PRB

Comissão Mista de Combate à Violência contra a Mulher é criada com participação do PRB

Durante a instalação do colegiado, a republicana destacou a necessidade da ampliação das políticas públicas e de criação de leis que protejam as mulheres.

 

Brasília (DF) – Durante a instalação da Comissão Mista de Combate à Violência Contra a Mulher, composta por parlamentares da Câmara e do Senado, a deputada federal Rosangela Gomes (PRB-RJ) destacou a necessidade da ampliação das políticas públicas e de criação de leis que protejam as mulheres brasileiras.

A deputada citou o caso da dona de casa Cláudia Silva Pereira que foi vítima de bala perdida no caminho para a padaria e teve o corpo arrastado por uma viatura da Polícia Militar por 350 metros de forma brutal. O exemplo foi citado como forma de destacar que, apesar das conquistas, é preciso avançar muito mais nos mecanismos que coíbam a prática da violência contra o gênero feminino.

Para Rosangela, a criação de um colegiado representa uma vitória em favor da luta em defesa das mulheres, que muitas vezes sofrem agressões no âmbito familiar e não recebem a devida proteção do Estado. “Estarei aqui defendendo o direito de todas as mulheres, ainda que tenha divergência, votando contra ou a favor. Mas, exercendo a cidadania e, sobretudo fortalecendo a democracia em todos os setores da sociedade. Avante mulheres brasileiras e parabéns à comissão”, afirmou.

rosangela-gomes-prb-comissao-mista-de-combate-a-violencia-contra-a-mulher-e-criada-com-participacao-do-prb-foto-roberto-ribeiro-11-03-15-02Sobre a comissão

Na primeira reunião, a senadora Simone Tablet (PMDB-MS) foi eleita presidente e a deputada Keiko Ota (PSB-SP) vice. Formada por 37 membros, a Comissão Mista é composta na maioria por mulheres, mas já conta com a participação de seis deputados e senadores. Os líderes dos partidos devem concluir a indicação dos membros até a próxima reunião, marcada para o dia 25 de março, às 14h no salão nobre do Senado.

O novo colegiado foi proposto pela Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Violência contra a Mulher, responsável pela investigação de agressões diretas contra as mulheres até 2012.

Cabe à comissão, formular projetos para concretização da Política Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres. O colegiado, também, tem como função apresentar irregularidades nos serviços e ações prestadas às mulheres nas áreas de seguridade social, seguranças jurídica e pública.

Participação do PRB

A deputada federal Tia Eron (PRB-BA) é titular da comissão e a vaga de suplente é da deputada Rosangela Gomes do Rio de Janeiro. Uma das principais bandeiras de luta da bancada feminina será a equiparação entre gêneros no legislativo federal, estadual e municipal. A medida visa ampliar, de forma efetiva, a participação da mulher na política brasileira.

 

Texto: Maurizan Cruz / Ascom – deputada federal Rosangela Gomes
Fotos: Roberto Ribeiro

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest