Cleber Verde defende implantação de Classes de Aceleração na Educação brasileira

26_02_14_atuacao01_cleber_verde_defende_implantacao_classes_aceleracao

Verde ressaltou o Programa Nacional de Adequação de Idade/Ano Escolar, criado pelo governo Federal, no ano passado

 

Brasília (DF) – Em pronunciamento realizado nesta terça-feira (25), o deputado republicano Cleber Verde (PRB-MA) considerou a questão da distorção idade/série como um tema-desafio para a Educação brasileira. Segundo ele, o Brasil, não conseguiu equacionar a questão da educação infantil, até hoje, pois as crianças chegam tardiamente à escola, e em consequência, cursam tardiamente a série escolar correspondente à sua idade.

O Ministério da Educação definiu que no Brasil, a criança deve ingressar no 1º ano do ensino fundamental aos seis anos de idade e encerrar esta etapa aos 14 anos. Depois, deve permanecer por mais 3 anos no Ensino Médio e concluir a educação básica aos 17 anos de idade. Todos os alunos que saírem desses parâmetros estarão em atraso escolar. “A distorção idade/série é a proporção de alunos com mais de dois anos de atraso escolar. O cálculo é feito a partir de dados do Censo Escolar, realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) com a colaboração das secretarias estaduais e municipais de educação e com a participação de todas as escolas públicas e privadas do país”, explicou.

Para Cleber Verde, o remédio para o enfrentamento desta desafiadora questão está na implantação de Classes de Aceleração. “Trata-se de uma intervenção pedagógica, com metodologia alternativa para sanar lacunas na aprendizagem e melhorar o desempenho dos alunos, possibilitando A TODOS a recuperação do tempo perdido ao longo de sua trajetória escolar. A consequência deste tipo de intervenção é, sobretudo, restaurar o fluxo escolar através da superação do problema do fracasso escolar, que tem raízes, na desigualdade social e nas inadequações internas das escolas”.

Verde ressaltou o Programa Nacional de Adequação de Idade/Ano Escolar, criado pelo governo Federal, no ano passado, que está mapeando onde estão os estudantes atrasados. “No momento em que o Brasil assume posição de destaque no campo dos direitos sociais e no processo de globalização da economia, a questão da distorção idade/série ganha relevância. Não existe um único exemplo de País no mundo que tenha apresentado sucesso econômico, social e cultural duradouro de sua população com atraso educacional e com fracasso escolar acumulado e crônico”, apontou.

Segundo o deputado, os prefeitos também precisam atuar fortemente para a melhoria dos índices nacionais de desempenho das escolas e dos alunos, aferidos pelo Ministério de Educação. “Feito isto, estou certo de que os municípios brasileiros poderão atrair maiores volumes de investimentos do governo federal para suas comunidades locais, no campo estratégico no do desenvolvimento da educação básica”, acrescentou.

Texto: Mônica Donato / Ascom – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest