Bulhões critica decisão de distribuir livros sobre sexualidade nas escolas de ensino fundamental

Bulhões critica decisão de distribuir livros sobre sexualidade nas escolas de ensino fundamental

Para Bulhões, a decisão de estimular a sexualidade precoce das crianças desconsidera a orientação do Plano Nacional de Educação, aprovado pelo Congresso Nacional

 

Brasília (DF) – Ao retomar os trabalhos legislativos, o deputado federal Antonio Bulhões (PRB-SP) criticou a decisão de distribuir livros sobre sexualidade nas escolas de ensino fundamental. Para o republicano, a decisão de estimular a sexualidade precoce das crianças desconsidera a orientação do Plano Nacional de Educação, aprovado pelo Congresso Nacional.

“Nós, os conservadores, desconfiamos quando alguém não se importa de destruir tudo o que séculos de moral cristã fez para organizar a nossa sociedade. Ao contrário deles, acreditamos que os valores não se fazem a partir de um escritório, mas sim a partir daqueles que resistiram ao teste do tempo. Os burocratas fanáticos pelo progressismo e pelo multiculturalismo estão impondo às escolas a decisão de, precocemente, estimular a sexualidade das crianças, com o objetivo de apagar a percepção lógica de que as pessoas também se diferenciam pelo sexo”, repudiou o deputado.

Bulhões alertou que os livros induzem meninos e meninas a experimentarem práticas heterossexuais e homossexuais. “Em um dos livrinhos distribuídos aos alunos há uma recomendação às crianças para que guardem o livro fora do alcance dos pais. Ao fazerem isso, eles, implicitamente, assumiram que avançaram para além de sua autoridade e praticamente confessaram a corrupção dos menores. A covardia dessa recomendação é que ela fará os pais demorarem a perceber a mudança de comportamento dos filhos”, lamentou.

Proibição

O deputado considerou acertada a decisão do Ministério Público para proibir a distribuição dos livros. “Conhecendo a insistência dos ideólogos, devemos esperar que em outro momento eles voltem à carga. É preciso que as famílias compareçam à escola e perguntem que tipo de livros são distribuídos aos seus filhos. Investiguem se os valores ensinados pelos livros, ou na escola, estão compatíveis com o que a família educa. Denunciem quando algum professor pretender desviar o comportamento do seu filho”, alertou.

Texto: Mônica Donato / Ascom – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes / Ascom – Liderança do PRB

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest