Pelas nossas crianças e adolescentes, o fim do silêncio

roberto-alves-prb-foto-douglas-gomes-16-12-16

No ano passado, o Disque 100, do Governo Federal, registrou mais de 15 mil casos de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes. O dado é alarmante, mas nem de longe reflete a realidade brasileira, porque o maior inimigo no combate ao abuso e à exploração sexual infanto-juvenil é o silêncio. A data de hoje, 18 de maio, é bom que possamos refletir sobre essa realidade.

Para entendermos melhor, o abuso sexual é a invasão da sexualidade de uma criança ou adolescente por um adulto ou um adolescente mais velho. Manipulação dos órgãos genitais, carícias, ato sexual com ou sem penetração, tudo isso é abuso sexual. Em muitos casos, o abusador é integrante da família da vítima ou é alguém conhecido da família.

Já a exploração sexual é a última etapa da violação de todos os direitos da criança ou do adolescente. É quando ela foi vítima de muitos abusos e agora alguém está lucrando com o trabalho sexual.

Esses dois crimes são mais comuns do que se imagina. Conforme os dados do Governo Federal, 43 crianças e adolescentes são vítimas de abuso e exploração sexual por dia. Uma pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), revela que 70% das vítimas de estupro no Brasil são menores de idade. Dados do Disque 100 cruzados com o do Sistema Único de Saúde (SUS) apontam que 120 mil casos de abuso sexual contra crianças e adolescentes foram registrados entre 2012 e 2015.

Nessa luta pela proteção da dignidade sexual das nossas crianças e adolescentes, o desafio é romper o silêncio. O abuso sexual é um crime covarde, que pode acontecer dentro de sua casa, embaixo dos seus olhos, no seu vizinho, em seu bairro. Para que a violência continue sendo mantida em segredo, o criminoso envolve a criança em uma ‘cortina de medo’, confundindo a cabeça dela e fazendo ameaças (inclusive de morte), a fim de impedi-la de relatar o crime, nem para as autoridades e nem para a família.

Quando a criança ou adolescente cria coragem para denunciar, nem sempre os adultos acreditam nela. É uma triste realidade. Há casos em que, em vez do abusador deixar a casa, quando o crime é cometido pelo pai, tio ou padrasto, a vítima é arrancada do seio familiar e deixada na casa de parentes ou até em abrigos. E o crime não chega ao conhecimento das autoridades. Tudo em nome do silêncio. Desse modo, a criança ou adolescente é duplamente penalizada: pela agressão sofrida e pelo afastamento da família. Marcas que ficarão para a vida da criança ou do adolescente.

Encorajar as pessoas a denunciar, ajudando-as a romper o silêncio, tem sido a missão da Frente Parlamentar Itinerante Contra o Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Nos últimos meses, eu e minha equipe temos percorrido as cidades do interior paulista, levando orientações e alertas contra o abuso e exploração sexual infanto-juvenil. Nós criamos o gibi ‘Robertinho e Sua Turma’, que tem sido um sucesso entre as crianças. Por meio dele, conseguimos ensiná-las a se prevenirem contra o abuso. Mais de 20 mil exemplares foram distribuídos nas casas, nos bairros e nas escolas.

Como parlamentar e membro do PRB, tenho sido participativo no debate sobre o fortalecimento da legislação protege os direitos das crianças e dos adolescentes, sobretudo o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Também tenho me esforçado em destinar recursos para o reaparelhamento dos conselhos tutelares, que exercem um papel fundamental na defesa das crianças e adolescentes. Afinal, o abuso e a exploração sexual de crianças e de adolescentes não é problema meu: é problema nosso.

*Roberto Alves é deputado federal pelo PRB São Paulo 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal, Rosangela Gomes (PRB-RJ)

E-mail (clique aqui)
ou
(61) 3215-5438

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest

Quer fazer um
Curso de Política GRATUITO?

Preencha para receber seu acesso ao curso!