O povo, os partidos políticos e a gestão pública

Foto- Douglas Gomes-92

Para Hans Kelsen, a democracia indireta é aquela em que a função legislativa é exercida por um Parlamento eleito pelo povo, e as funções administrativa e judiciária, por funcionários igualmente escolhidos por um eleitorado. Assim, um governo é ‘representativo’ porque e na medida em que os seus funcionários, durante a ocupação do poder, refletem a vontade do eleitorado e são responsáveis para com este.

Como se pode perceber, a maioria dos partidos políticos ficou anacrônica e sofre de artrose severa em sua estrutura e funcionamento. Atuam com finalidade neles próprios, dissociados dos apelos e demandas do povo.

O Estado existe para atender aos desejos, às necessidades e os interesses coletivos da sociedade. Os governos fazem acontecer essas demandas por meio da administração pública, que opera a execução das políticas públicas delineadas pelo Executivo e Legislativo.

Hoje, há desencanto com a postura política e gerencial de governantes, políticos e gestores públicos, bem como a descrença nos muitos que se locupletam dos cargos que exercem e estão nele para isso mesmo. Tudo isso destrói qualquer possibilidade de apostar em algum futuro promissor para as pessoas da classe média e para os pobres.

Os últimos 30 anos fizeram florescer estruturas virtuais eficientes e eficazes para gerar transparência e unir pessoas. A primavera árabe eclodiu e já fez cair dois presidentes no Egito. O movimento Occupy Wall Street, iniciado em setembro de 2011, em Manhattan, protesta contra a desigualdade econômica e social, a ganância, a corrupção e indevida influência das empresas nos EUA. Atualmente, o movimento continua denunciando a impunidade dos responsáveis e beneficiários da crise financeira mundial. O grupo hacker Anonymous,responsável por ataques em sites de governos e também ao Facebook, afirmou que fez issoporque governos estão espionando usuários mundialmente.

Entender o que representa uma democracia pós-moderna faz-se obrigatório. Partidos políticos sempre atuarão na democracia. É por intermédio deles (ou deveria ser) que as políticas públicas se tornam realidade, assim como contribuem para manter e aprimorar a doutrina do exercício da cidadania.

O objeto que move as manifestações na atualidade é o conjunto de insatisfações e desconfiança com os serviços e cargos públicos e o conhecimento da obsolescência das gestões públicas nacionais. A massa enfurecida somente pode ser estancada pelo atendimento de seus apelos e demandas. Urge a mobilização e ação por um Brasil mais justo, mais igual e menos corrupto, aliado a menos desvios, mais ética e mais gestão eficaz da coisa pública.

*George Hilton é líder do PRB na Câmara dos Deputados e presidente regional do partido no estado de Minas Gerais

**Artigo concedido ao site Congresso em foco

Foto: Douglas Gomes

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest