Valdemir Soares repudia distribuição de cartilhas que incentivam o uso de drogas

Valdemir Soares repudia distribuição de cartilhas que incentivam o uso de drogas

Valdemir Soares destaca que a publicação incentiva o uso de drogas, gera gastos desnecessários e jamais poderia chegar às mãos de crianças e adolescentes

 

Curitiba (PR) – A possível existência de cartilhas à disposição da rede municipal de educação, com orientação de como utilizar drogas e administrar situações de risco após o uso, foi criticada pelo presidente da Frente Parlamentar Contra o Crack e outras Drogas da Câmara Municipal de Curitiba, vereador Valdemir Soares (PRB-PR), e motivo de questionamento em pedido de informações oficiais à Prefeitura. “Foram distribuídas cartilhas orientando sobre o uso de drogas e administração de situações de risco após o uso nas escolas de Curitiba? Em caso de resposta positiva, quantas cartilhas e onde elas foram entregues?”, perguntou o parlamentar.

Segundo o vereador, a cartilha provavelmente foi preparada com base na política de redução de danos, que para ele, não apresenta resultados científicos comprovados, incentiva o uso de drogas, gera gastos desnecessários e jamais poderia chegar às mãos de crianças e adolescentes. “Tem que haver controle da distribuição desse tipo de material, contrária ao entendimento da Frente Parlamentar Contra o Crack e outras Drogas”. Valdemir defendeu ainda que “as políticas públicas devem responder às atuais demandas no campo da prevenção”. O parlamentar antecipou que caso as cartilhas estejam sendo distribuídas, vai pedir o recolhimento do material que ensina, por exemplo, em que parte do corpo o usuário deve injetar drogas, como evitar overdose, entre outras recomendações.

Frente Parlamentar Contra o Crack e outras Drogas

A atuação da Frente Parlamentar Contra o Crack e Outras Drogas da Câmara Municipal de Curitiba se destaca ao apoiar frequentes eventos sociais de conscientização contra o consumo de entorpecentes, ao articular medidas que favorecem o trabalho das comunidades terapêuticas e ao firmar parcerias com o município e governo do Paraná. Presidido republicano Valdemir Soares, o colegiado tem a adesão de 27 dos 38 parlamentares da Casa Legislativa e segue com ritmo acelerado para diminuir o uso de drogas e recuperar adictos, com a contribuição da comunidade em geral.

Segundo Valdemir, é necessária uma política elaborada com quadros capacitados e influentes inseridos na sociedade civil para otimizar ações de prevenção, tratamento e reinserção social de ex-viciados em drogas. “O esporte e a cultura são as grandes armas contra as drogas e os dependentes químicos precisam de estrutura para atendimento em longo prazo; é preciso dar mais atenção a isso”, destacou o vereador.

Com opinião esclarecida contra a legalização e descriminalização das drogas, Valdemir acompanha os desdobramentos do assunto a nível nacional. Autor da primeira audiência pública contra legalização da maconha realizada no país, ele trabalha na multiplicação da mensagem contra a liberação das drogas e representa a Frente Parlamentar Contra o Crack e Outras Drogas em grandes eventos de conscientização, realizados pelos grupos voluntários Curitiba Te Quero Sem Drogas – do qual é idealizador – e Força Jovem do Paraná.

“A integração dos jovens pelo esporte, os valoriza e os motiva a ficarem longe das drogas”, garante Valdemir que há duas décadas se dedica a causa e acredita na prática de esportes de alto rendimento para recuperação de dependentes. Além da prevenção, ele ainda defende a participação de comunidades terapêuticas e instituições religiosas como cooperadores essenciais para a desintoxicação e o início de uma nova perspectiva aos ex-usuários de drogas. “É preciso que haja entendimento da importância do despertar espiritual de forma abrangente, dentro de um plano de metas para ressocialização de dependentes”, declarou Valdemir.

A repressão ao tráfico de drogas também é um esforço da Frente, que apoia ações da Guarda Municipal, como ““Paz nas Praças” e solicita frequentemente o reforço da ronda e permanência de módulos da Polícia Militar em diferentes espaços de Curitiba. Entre eles estão a “Passarela do Crack”, na rua Paula Gomes, no São Francisco, a “Praça da Maconha” (Praça Eufrásio Correia), ao lado da Câmara, a Praça do Guabirotuba, (Praça Abílio de Abreu).

Texto: Ascom – vereador Valdemir Soares
Foto: Chico Camargo / CMC

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para o deputado Sérgio Reis (PRB-SP)

dep.sergioreis@camara.leg.br
ou (61) 3215.5213

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest