Sebastião e Donegá pedem apoio a Alckmin contra desocupação em Mirassol

Sebastião e Donegá pedem apoio a Alckmin contra desocupação em Mirassol

Governador afirmou que fará o que for possível para que as famílias permaneçam em suas residências.

 

São Paulo (SP) – O deputado estadual Sebastião Santos e o vereador Donegá Neto, ambos do PRB, solicitaram quarta-feita (04) o apoio do governador Geraldo Alckmin para solucionar o problema vivido por famílias de Mirassol que receberam ordem judicial para desocuparem as casas onde vivem, às margens da ferrovia.

A assessoria do deputado e o vereador do PRB entregaram ofício a Alckmin solicitando apoio no caso. O governador afirmou que fará o que for possível para que as famílias permaneçam em suas residências.

Os parlamentares do PRB defendem a permanência das famílias que vivem à beira da ferrovia em Mirassol, com base na resposta que o deputado Sebastião obteve do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em janeiro), quanto ao pedido para a construção do contorno ferroviário que beneficiará a população de São José do Rio Preto, Cedral e Mirassol.

sebastiao-santos-deputado-estadual-denoga-foto-ascom-sebastiao-santos-02O DNIT respondeu ao ofício de Sebastião que a contratação do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental – EVTEA e do Anteprojeto de Engenharia para a construção do contorno ferroviário deverá ser licitado até fevereiro de 2015.

A decisão de retirar os moradores é da Justiça Federal, que atendeu ao pedido da concessionária ALL (América Latina Logística), responsável pela ferrovia, e mandou que pelo menos três famílias de Mirassol desocupassem as casas onde vivem, às margens da ferrovia. O pedido da concessionária tem justificação na segurança. A ALL quer demolir as residências, mas sem indenizar nenhuma das famílias.

Alckmin se comprometeu a acionar a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) e a concessionária ALL pedindo a revisão do caso. Para o deputado Sebastião, com a decisão do DNIT em licitar o projeto da obra em fevereiro, não há porque desapropriar essas famílias agora. “Há famílias que moram ali há 90 anos. Tirar essas famílias bem agora que o DNIT confirmou que o contorno será realizado não tem lógica, já que essa atual linha será desativada”.

Entre as pessoas que receberam o mandato judicial está o caso de uma família que possui a escritura da casa desde 1973. Eles moram no local há 70 anos e reclamam que têm direito de pelo menos receber uma indenização pelo imóvel. Para o deputado, se as famílias forem de fato obrigadas a saírem do local, devem, pelo menos, serem indenizadas.

O deputado Sebastião não pode estar presente na entrega do ofício em virtude das atividades que cumpre na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, em São Paulo.

Texto: Suelen Tavares / Ascom – deputado estadual Sebastião Santos
Foto: Paulo Lima

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o email: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

 

 

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest