Projeto prevê mais transparência na administração municipal

 

Itajaí (SC) – Desde julho de 2009, existe uma lei que determina a divulgação de alguns dados da administração pública do município de Itajaí através de um Portal de Transparência. Contudo, está longe de abranger todas as informações de interesse público e garantir o acesso aos dados de forma mais facilitada. Por isto, em maio de 2013, a vereadora Anna Carolina Martins (PRB) protocolou um projeto de lei que altera e acrescenta dispositivos à lei que criou o Portal de Transparência em Itajaí. “É de dinheiro público que estamos falando. Então, nada mais natural do que tudo fique à disposição da população para consulta de forma simples, sem que seja preciso uma romaria para conseguir as informações”, justifica a parlamentar.

Basicamente, hoje o Portal da Transparência é confuso, com poucas informações e que, além disto, exigem certo conhecimento técnico de quem for em busca dos dados, dificultando o acesso aos que não têm conhecimento em contabilidade e administração pública – o que não atende sequer as exigências da própria lei vigente no município, que determina que as informações tenham que ser disponibilizadas de forma simplificada e de fácil leitura e consulta. “Acrescento neste projeto vários dados que até então eram omitidos. Só quero que a transparência não seja apenas no nome do portal, mas que seja algo realmente feito na administração municipal”, ressalta Anna Carolina.

Entre os dispositivos, a vereadora acrescentou, por exemplo, o pedido de informações detalhadas sobre gastos com viagens pagas com dinheiro público. Ela quer que num prazo de cinco dias úteis após o retorno de quem usufruiu da diária, seja publicada a agenda cumprida, os assuntos tratados e com quem foram tratados, os resultados obtidos, quais tipos de transportes foram utilizados e qual o valor dos recursos liberados para a viagem. Para todas as alterações previstas caso o texto seja aprovado pela Câmara e sancionado pelo prefeito Jandir Bellini, Anna Carolina colocou um prazo de 180 dias para adequação.

Outros itens que a vereadora quer incluir no Portal Transparência:

– Dados sobre servidores comissionados e concursados (como salário, lotação e cargo);

– Quantidade de execuções fiscais com relação do nome dos contribuintes;

– Dados de finanças públicas quanto ao cumprimento dos mínimos constitucionais de Saúde e Educação e limite de gastos com pessoal;

– Informações de gastos com publicidade institucional (tipo de mídia, quantidade de inserções, valor unitário e valor total);

– Relatório da movimentação financeira realizada na semana anterior.

Por Cláudio Eduardo – Assessoria de imprensa da vereadora Anna Carolina

Foto: Davi Spuldaro

*O seu material também pode ser publicado no Portal PRB. Você pode enviar fotos, textos, áudios ou vídeos para o emailpautas@prb10.org.br

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest