Secretário Hamam assina sexto termo de adesão ao Cartão Recomeço

17_07_13_destaque05_sp_secretario_hamam_assina_termo_adesao_cartao_recomeco

 

Diadema (SP) – Diadema é o sexto município a aderir ao Cartão Recomeço. Na última sexta-feira (12), o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Rogerio Hamam (PRB), esteve na cidade com o prefeito de Diadema, Lauro Michels, para assinatura do termo de adesão.

“O cartão é um programa inovador que auxiliará o dependente na sua recuperação e ressocialização. O cartão será utilizado para controlar a frequência do usuário no tratamento e, assim, o Governo pagará a entidade conveniada,” explicou o secretário Hamam.

Além dos termos de adesão, o programa está na fase de credenciamento. O edital foi lançado em maio e as entidades tem um prazo de 60 dias para se cadastrarem. “O nosso maior desafio é identificar as entidades e motivar o credenciamento. Agora, com a adesão assinada, contaremos com participação da Prefeitura na busca destas associações,” afirmou o secretário. Além de Diadema, Campinas, Ribeirão Preto, Bauru, Sorocaba e São José dos Campos já aderiram ao programa.

O prefeito Lauro Michels acredita que com o Cartão Recomeço a cidade de Diadema se tornará referência na região do ABCD no tratamento do dependente químico. “O Programa também vem trazer conforto para as famílias, principalmente as mães, que desejam tirar seus filhos das drogas”, disse o prefeito.

Cartão Recomeço

O Cartão Recomeço é uma parceria entre o Governo e entidades especializadas, que prestam serviços de acolhimento, recuperação e reinserção social de usuários de drogas. O cartão, no valor de R$ 1.350,00, servirá para custear as despesas de recuperação dos dependentes químicos que buscarem ajuda voluntariamente.

Inicialmente, serão atendidos 3 mil dependentes químicos em 11 cidades: Diadema, Sorocaba, Campinas, Bauru, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, São José dos Campos, Osasco, Santos e Mogi das Cruzes.

O Cartão Recomeço será concedido aos usuários maiores de 18 anos, que forem considerados aptos para o acolhimento social. O dinheiro será exclusivamente repassado às entidades para custear o atendimento e a recuperação do dependente químico. O cartão não tem fins comerciais.

O Grupo Gestor do Cartão Recomeço é coordenado pelo doutor Ronaldo Laranjeira, professor titular do Departamento de Psiquiatria da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) e referência no atendimento de dependentes químicos. O grupo é formado ainda por representantes das secretarias de Desenvolvimento Social, da Justiça e Defesa da Cidadania, e da Saúde.

Fonte e foto: Ascom Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social

*O seu material também pode ser publicado no Portal PRB. Você pode enviar fotos, textos, áudios ou vídeos para o emailpautas@prb10.org.br

 

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest