Em junho de 2013, Brasil e Israel celebram parceria histórica

Crivella divulga promoção e integração de setores comerciais dos países

O ministro Marcelo Crivella, da Pesca e Aquicultura, em visita oficial a Israel, e o Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural deste País, Yair Shamir, divulgou, em junho de 2013, um comunicado conjunto. Neste documento, eles se comprometem a promover a cooperação mútua “nos setores público e privado, com foco em ações que possam facilitar a promoção e a integração de setores comerciais no desenvolvimento da pesca e aquicultura nos respectivos países”. O entendimento envolve também a cooperação em assuntos de gestão pesqueira em fóruns internacionais.

Abaixo, o documento na íntegra:

Comunicado Conjunto

O Ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural de Israel, Sr. Yair Shamir, e o Ministro da Pesca e Aquicultura do Brasil, Sr. Marcelo Crivella,

Com a intenção de desenvolver a cooperação entre os dois países e de fomentar as relações entre os respectivos setores da pesca e aquicultura;

Reconhecendo que a cooperação no campo da pesca e da aquicultura pode promover o bem-estar e a prosperidade de ambos os países;

Buscando fortalecer as relações amistosas entre o Brasil e Israel;

Emitiram este Comunicado Conjunto por ocasião da visita oficial do Ministro Crivella a Israel, de 9 e 13 junho de 2013.

Durante a visita oficial, o Ministro Crivella manteve reuniões com o Ministro Shamir e funcionários do alto escalão do Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural de Israel e da Organização de Pesquisa Agrícola (ARO). Além disso, o Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural de Israel organizou reuniões com o setor privado.

Ambos os Ministros observaram que o Brasil e Israel têm capacidades complementares em aquicultura, que podem ser combinadas de forma proveitosa para a disseminação do conhecimento e o desenvolvimento de crescimento econômico para os dois países. Essas complementaridades são particularmente importantes nas áreas de gestão de recursos aquáticos, na variedade de espécies (incluindo espécies nativas), na reprodução de peixes e tecnologias de piscicultura e conhecimento científico.

Os Ministros concordaram que a área inicial de cooperação deverá incluir temas científicos, sociais e comerciais relativos à aquicultura. Ações no âmbito da cooperação bilateral que incluam, entre outros, o desenvolvimento de produtos conjuntos, intercâmbio de especialistas e pesquisadores, a troca de tecnologias e know-how. Eles enfatizaram que através da união de esforços e o reforço da cooperação bilateral, Brasil e Israel podem contribuir de modo a suprir os desafios da segurança alimentar e nutricional e influenciar a qualidade dos alimentos consumidos em todo o mundo.

Mais especificamente, os campos comuns de interesse são a criação de tilápia (incluindo programas de seleção genética, cultivo em alto-mar, sistema de recirculação de água (RAS), modelos de integração pelo cultivo de produtos e irrigação, qualidade e eficiência alimentar e planejamento estratégico.

Os Ministros do Brasil e Israel expressaram a intenção de promover a cooperação mútua acima mencionada nos setores público e privado, com foco em ações que possam facilitar a promoção e a integração de setores comerciais no desenvolvimento da pesca e aquicultura nos respectivos países.

Além disso, ambos os Ministros concordaram que a cooperação entre Brasil e Israel no campo da aquicultura não deveria ser limitada a essas áreas já identificadas e ambos os Ministros deveriam trabalhar juntos para a implementação de um Acordo de Cooperação facilitando o intercâmbio de tecnologia e o aumento das relações comerciais entre os dois países.

Os pontos focais para a comunicação regular entre os Ministros, no contexto do Comunicado Conjunto, serão as Divisões da Pesca e Aquicultura no Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural de Israel e a Assessoria Internacional do Ministério da Pesca e Aquicultura do Brasil.

Os Ministros concordaram em cooperar nos assuntos de gestão pesqueira nos principais organismos regionais de pesca e também coordenar as posições dos Ministérios na Organização das Nações Unidas para Agricultura Alimentação (FAO) e na Organização Mundial do Comércio (OMC).

Fonte e fotos: Ascom MPA
*O seu material também pode ser publicado no Portal PRB. Você pode enviar fotos, textos, áudios ou vídeos para o email pautas@prb10.org.br

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest