Dilma e Crivella lançaram Plano Safra da Pesca

 

Brasília (DF)– O ministro Marcelo Crivella (PRB) lançou em outubro de 2012, no Palácio do Planalto, o Plano Safra da Pesca e Aquicultura que pretende ampliar a produção nacional para 02 milhões de toneladas de pescado ao ano até 2014 e tornar o Brasil um dos maiores produtores mundiais. A presidenta Dilma Rousseff estava presente e garantiu que as atividades ligadas ao tema serão prioridade para o país, tanto no setor econômico como no social.

“Essa atividade, que era lateral, será central do nosso país”, destaca a presidenta. O objetivo é desonerar a cadeia produtiva, além de investir, por meio de diversos programas, R$ 4,1 bilhões até 2014 em financiamentos para a produção pesqueira.

A presidenta Dilma frisou ainda que o Brasil ocupa no ranking mundial a 23ª posição na pesca e a 17ª na aquicultura, apesar de o país ter mais de 8 mil quilômetros de costa marítima, 13% da reserva mundial de água doce e diversos reservatórios e açudes em praticamente todas as bacias hidrográficas. “É um paradoxo: a realidade econômica e social da atividade está distante do nosso potencial. Esses números dão o tamanho do nosso desafio. Com o plano, pretendemos tornar o Brasil, até 2020, um exportador do tamanho do seu potencial”, ilustrou a presidenta.

Para atingir a meta, Crivella disse que o governo pretende aumentar em 40% a renda dos profissionais por meio de diversas frentes de ação e ampliação, “como também, o aprimoramento das técnicas de cultivo e manuseio, modernização de equipamentos, oferta de assistência técnica, investimento em pesquisa e mais estrutura à cadeia produtiva”, garantiu o ministro naquele evento.

De acordo com o ministro Crivella, linhas de crédito para pequenos pescadores e aquicultores serão criadas para que os produtores invistam em novos equipamentos, barcos e estruturas. “Eles terão carência de 03 anos para começar a pagar e o prazo de 10 anos para quitar o financiamento”, afirma. A previsão é que cerca de 400 mil famílias sejam beneficiadas.

Crivella disse ainda que para desenvolver o setor, “o Plano Safra junto com o BNDES, também se estende para modernizar grandes indústrias, investir em ciência, tecnologia, educação e inovação”.

Por Jamile Reis

Fotos: Douglas Gomes

*O seu material também pode ser publicado no Portal PRB. Você pode enviar fotos, textos, áudios ou vídeos para o email pautas@prb10.org.br

 

 

 

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest