Dilma e Crivella lançam Plano Safra da Pesca

29_10_12_destaque01_df_ministerio_assina_acordo_saude_pesca001

Objetivo é tornar o Brasil uma potência mundial na produção de peixe

Brasília (DF) –O ministro Marcelo Crivella (PRB) lançou hoje (25), no Palácio do Planalto, o Plano Safra da Pesca e Aquicultura que pretende ampliar a produção nacional para 02 milhões de toneladas de pescado ao ano até 2014 e tornar o Brasil um dos maiores produtores mundiais. A presidenta Dilma Rousseff estava presente e garantiu que as atividades ligadas ao tema serão prioridade para o país, tanto no setor econômico como no social.

“Essa atividade, que era lateral, será central do nosso país”, destaca a presidenta. O objetivo é desonerar a cadeia produtiva, além de investir, por meio de diversos programas, R$ 4,1 bilhões até 2014 em financiamentos para a produção pesqueira.

A presidenta Dilma frisou ainda que o Brasil ocupa no ranking mundial a 23ª posição na pesca e a 17ª na aquicultura, apesar de o país ter mais de 8 mil quilômetros de costa marítima, 13% da reserva mundial de água doce e diversos reservatórios e açudes em praticamente todas as bacias hidrográficas. “É um paradoxo: a realidade econômica e social da atividade está distante do nosso potencial. Esses números dão o tamanho do nosso desafio. Com o plano, pretendemos tornar o Brasil, até 2020, um exportador do tamanho do seu potencial”, ilustra a presidenta.

Para atingir a meta, Crivella disse que o governo pretende aumentar em 40% a renda dos profissionais por meio de diversas frentes de ação e ampliação, “como também, o aprimoramento das técnicas de cultivo e manuseio, modernização de equipamentos, oferta de assistência técnica, investimento em pesquisa e mais estrutura à cadeia produtiva”, garante o ministro.

De acordo com o ministro Crivella, linhas de crédito para pequenos pescadores e aquicultores serão criadas para que os produtores invistam em novos equipamentos, barcos e estruturas. “Eles terão carência de 03 anos para começar a pagar e o prazo de 10 anos para quitar o financiamento”, afirma. A previsão é que cerca de 400 mil famílias sejam beneficiadas.

Crivella disse ainda que para desenvolver o setor, “o Plano Safra junto com o BNDES, também se estende para modernizar grandes indústrias, investir em ciência, tecnologia, educação e inovação”.

Por Jamile Reis

Fotos: Douglas Gomes

*O seu material também pode ser publicado no Portal PRB. Você pode enviar fotos, textos, áudios ou vídeos para o email pautas@prb10.org.br

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest