Comissão de Saúde da ALBA discute doenças raras

comissao-saude-doencas-raras-14-05-14

 

Bahia (BA) A Comissão de Saúde e Saneamento da Assembleia Legislativa da Bahia realizou na manhã desta terça-feira (13), Audiência Pública para falar sobre as doenças raras e as dificuldades enfrentadas pelos pacientes e familiares no tratamento, mais especificamente na Bahia. Uma em cada 20 pessoas são afetadas por um tipo dessas patologias.

O deputado estadual, também presidente da Comissão, José de Arimatéia (PRB-BA), autor da ocasião, falou da preocupação em torno do tratamento, diagnóstico e obtenção de medicamentos.

”As doenças raras merecem o conhecimento da população e autoridades porque esses pacientes necessitam de um tratamento regular e contínuo. Nessa perspectiva é ideal também capacitar os profissionais de Saúde para cada enfermidade”, destacou Arimatéia, acrescentando, que a descentralização da saúde é um dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), colocando o município como principal gestor pelo setor.

A médica Geneticista da Apae Salvador, Helena Pimentel, realizou uma ampla apresentação mostrando as principais doenças raras e seus agravantes, e afirmou que 80%  delas são genéticas.

Em seguida a endocrinologista, Flávia Resedá Brandão do Centro de Diabetes e Endocrinologia da Bahia (Cedeba), ressaltou a acromegalia, 3,3 casos por milhão/ano – provocada por tumor benigno na hipófise (adenoma), que provoca produção exagerada do hormônio do crescimento, e atinge pessoas de faixa etária com 40 a 50 anos.

Segundo Resedá  os sintomas iniciais são aumento do nariz, orelha, pés e mãos. Em muitos casos pode ainda ocorrer suor excessivo, aumento da oleosidade da pele. “Se não houver um tratamento a morte passa a ser de duas a quatro vezes maior, que na população em geral”, advertiu, e reivindicou a falta de medicamento no Cedeba, que muitas vezes chega a durar cinco meses.

Também compuseram a mesa da Audiência a presidente da Associação Baiana Familiares e Amigos mucopolissacaridose e Doenças Raras, Márcia Oliveira e o diretor da Assistência Farmacêutica da Bahia, Lucas Duarte.

 

Texto e foto – Ascom deputado estadual José de Arimatéia

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no novo portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o email: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

 

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest