Telma Franco

entrevista-da-semana-telma-franco-planejar-e-trabalhar-foto-douglasgomes-07-05-2012

 

Planejar e trabalhar. Quem conhece Telma Franco sabe que essas palavras fazem parte de seu dia a dia à frente do PRB Mulher no DF. Apesar de não haver eleições em Brasília este ano, a militância feminina está em permanente mobilização. O objetivo: promover não só o crescimento do partido, mas assegurar que ele seja feito com qualidade e dando oportunidades amplas para adesão feminina. A responsabilidade é grande, ainda mais porque a política no DF é observada com lupa por todo o país. Ao disseminar os ideais de respeito a coisa pública, oferecer chances de ampla participação e ouvir criticas e sugestões, Telma acredita que está contribuindo para uma melhora sensível das praticas políticas. E acredita nisso porque tem certeza que a mulher possui força suficiente para criar uma nova forma de fazer política no País.

“Acreditamos na Força da Mulher”, esse é o slogan do PRB Mulher do Distrito Federal

1 – Quais as perspectivas para o PRB Mulher em 2014, já que em 2012 não há eleições em Brasília?

Telma Franco – Nosso momento aqui no DF é de intenso trabalho, estamos vivenciando um momento de planejamento para o fortalecimento do PRB Mulher no Distrito Federal. É importante planejar para vencer. O PRB é o partido das oportunidades. O presidente Marcos Pereira tem oferecido um apoio absoluto para a militância. Há uma frase dele em que encontramos vigor para assumir novos desafios: “Do PRB Mulher vamos tirar a força, a inteligência e a sensibilidade para criar o Brasil que queremos no futuro”. É exatamente isso que estamos fazendo, tornando o PRB conhecido em nossa cidade para, em 2014, lançarmos as candidaturas de uma deputada federal e de uma distrital.

 

2 – Como manter a militância ativa diante de um período supostamente apolítico como esse?

Telma Franco – O cenário político atual é crítico e a veracidade desse quadro é notória no dia a dia em contato com a população de diversos segmentos em que deparamos nas ruas de diversas localidades, mas diante desse quadro, estamos conscientizando cada cidadão apresentando a existência da política do bem. É a nossa oportunidade de elencar as propostas do PRB que está pautada no compromisso, de servir o povo com respeito, integridade e transparência. O PRB Mulher está ouvindo as pessoas, seus ideais, suas sugestões e críticas. Estamos realizando um trabalho in loco e dessa forma conseguimos formar um grupo de mulheres dispostas a militar com força e ampliar o número de filiadas. Encontramos muitas pedras no caminho, mas acreditamos no crescimento do cidadão como indivíduo transformador da sociedade e um multiplicador eficaz.

 

3 – Como atrair as mulheres para a política, uma atividade que até então elas eram, ou pareciam ser refratárias?

Telma Franco – Conscientizando. A mulher sabe, está na história, que sempre foi tolhida de participar, opinar, votar, enfim, sempre sofreu preconceitos. Muitas venceram barreiras e temos muitos bons exemplos de mulheres que realizaram e realizam um brilhante trabalho na política. Estamos atraindo as mulheres, mostrando a sua força e fazendo-a ver que pode e deve ocupar cargos públicos porque é uma administradora nata, provida de muitas qualidades, realiza múltiplas tarefas com competência, ela é líder e tem o dom de valorizar as pessoas. Todas as mulheres que chegam até nós, através da Fundação Republicana Brasileira, estão sendo capacitadas com o curso de formação política e com o curso de liderança. Nos reunimos a fim de buscar soluções para os problemas de ordem pública, visando o fortalecimento de políticas públicas efetivas para as mulheres.

 

4 – O fato do PRB Mulher do DF estar na capital federal causa algum tipo de maior responsabilidade?

Telma Franco – Com certeza. Na capital do país, somos observadas com um olhar diferente. Apesar de tantos escândalos na política, aqui temos pessoas do bem, um povo trabalhador que luta para realizar os seus sonhos. Acredito que a nossa responsabilidade é maior.

 

5 – Temos uma presidenta, ministras, mas a senhora ainda vê algum tipo de preconceito com a mulher política?

Telma Franco – Com certeza, há muito preconceito. A cota de 30% é um importante ganho político no Brasil, e é realidade em diversos países da Europa, África e América Latina, mas o sistema de cotas brasileiro não garante acesso ao poder, é necessário que se cumpra o programa de inserção da mulher na política e de fato conceder o espaço para as mulheres. O nosso partido tem recebido as mulheres, as têm preparado e apoiado no processo de inclusão na política. Às vezes, uso essa frase como desabafo: diga NÃO à exclusão da mulher na política.

 

6 – Então por que ainda uma diferença percentual entre mulheres e homens na política que não se traduz na sociedade?

Telma Franco – Porque os partidos políticos não recebem punição por não cumprir as cotas, ainda impera o machismo político. As mulheres continuam em desvantagem dentro dos partidos. Outro fator está relacionado à cultura. A mulher foi condicionada a se casar, procriar e cuidar de casa, não podendo envolver-se com questões políticas. Ainda somos poucas nesse meio mesmo sendo a maioria dos eleitores. Esse quadro está em fase de grandes mudanças, considero mais uma conquista de cada mulher brasileira.

 

7 – A senhora vê apoio de outras militâncias do PRB com relação à participação feminina?

Telma Franco – O PRB é um partido novo e as militâncias, aos poucos, estão agregando apoio direto com relação à participação feminina. Mas, não queremos somente isso, queremos também conquistar mais espaço nas decisões partidárias, bem como ocupar posições estratégicas nas esferas do poder.

 

8 – E a integração com outros estados?

Telma Franco – Em cada Estado o PRB Mulher tem uma representante. A presidente nacional do PRB Mulher, deputada Rosangela Gomes (RJ), tem realizado um trabalho árduo e com muita seriedade para o fortalecimento da militância. Os resultados são bons e plausíveis, mas há muito a ser feito. A integração é muito boa porque nos encontros nacionais trocamos experiências e participamos de debates que têm promovido um crescimento sólido da militância no país.

 

9 – O que o PRB mulher tem a acrescentar a vida política do País?

Telma Franco – A política de respeito ao povo brasileiro, em especial, às mulheres. O PRB Mulher já tem realizado ações que refletem benefícios para a população. O trabalho é sério e de competência. O Programa Nacional do PRB Mulher tem 10 propostas na área da saúde, educação, trabalho e geração de renda, segurança, defendendo o espaço da mulher brasileira em sua plenitude de inclusão.

 

10 – Para a senhora, ser 10 é…

Telma Franco – Ser 10 é respeitar cada cidadão. É acreditar no PRB e disseminar os valores republicanos na sociedade brasileira para o pleno desenvolvimento do nosso país.

 

Telma Franco é Presidente do PRB Mulher-DF

 

Por Paulo Gusmão

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no novo portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o email: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

 

 

TAGS:
REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest