“Cada real investido no esporte significa investir em segurança pública, educação, cultura”, avalia Madeira

jean-madeira-prb-fala-sofre-os-desafios-do-esporte-em-sao-paulo-foto-ascom-23-11-15

Em entrevista, Jean Madeira fala sobre sua gestão à frente da Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude de São Paulo.

 

O entrevistado da semana é o republicano Jean Madeira, 38 anos, locutor, faixa preta de judô, casado e pai de uma adolescente. Desde os 17 anos, atua em projetos sociais, em especial, voltados para o público jovem e combate às drogas. Foi eleito em 2012 vereador na capital paulista com o apoio de mais de 35 mil eleitores. Sua atuação e experiência o credenciaram para assumir o comando da Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo. Em 11 meses de gestão, Madeira acumula resultados para lá de positivos.

Neste bate-papo, Jean Madeira fala sobre os desafios de sua gestão, os projetos para fortalecer o setor em São Paulo, a importância do esporte como ferramenta de inclusão social e suas expectativas em relação às Olimpíadas de 2016.

 

ENTREVISTA

Agência PRB Nacional – Secretário, quando foi que resolveu se engajar na política?

Jean Madeira – Na verdade, recebi um convite para assumir a liderança da juventude republicana. Começamos a realizar em São Paulo várias ações voltadas para o esporte e educação, fazendo com que a nossa juventude pudesse ter voz e vez. Recebi também o convite do presidente Marcos Pereira para compor a chapa do PRB para disputar uma vaga na Câmara Municipal de São Paulo, onde fui eleito com 35.036 votos. Isso quer dizer que nunca tivemos nenhuma pretensão política, pelo contrário, o tempo todo a nossa atuação foi participativa e sempre busquei estar envolvido nas políticas públicas, discussões, buscando identificar de que maneira o jovem podia ter a sua atuação reconhecida. Participei de muitos fóruns e isso resultou nessa oportunidade. O PRB é um partido jovem e de grandes oportunidades. Sou prova disso, recebi essa oportunidade e estou procurando fazer jus à confiança que me foi outorgada.

 

Agência PRB Nacional – Já trabalhou com projetos sociais no passado? Como foi a experiência?

Jean Madeira – Desde os 17 anos trabalho com ações sociais. Como faixa preta de judô, sempre utilizei o esporte como instrumento de inclusão social. Trabalhei com projetos voltados para a área de educação, cultura, cidadania e até mesmo na área lúdica. São duas décadas de dedicação a ações sociais e projetos de prevenção às drogas. A nossa juventude precisa ser colocada no caminho e as drogas têm abortado o futuro e a vida. Tive a oportunidade de liderar um projeto muito bonito no Rio de Janeiro, Salvador e aqui em São Paulo, voltado para a prevenção e combate às drogas. Não tínhamos gritos vazios, mas resultados concretos de jovens que conseguiram deixar as drogas e foram inseridos na sociedade, e não apenas isso, tomando posição, tomando seu papel e sua parcela de contribuição. Quem sabe fazer o bem e não o faz, comete uma iniquidade, se você sabe fazer o bem, por que não o fazer? Continuo sendo jovem, pois o jovem é aquele que nunca deixou de sonhar.

 

Agência PRB Nacional – Você foi indicado pelo PRB para assumir a Secretaria do Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo. Qual o balanço ao longo desses 11 meses de gestão?

Jean Madeira – Com todo esse trabalho e dedicação, recebemos o convite do presidente Marcos Pereira e do governador Geraldo Alckmin para assumir o comando da Secretaria Estadual do Esporte, Lazer e Juventude de São Paulo. Em dezembro do ano passado, nos reunimos para conversar um pouco sobre o nosso trabalho, o esporte, a questão de eu ser faixa preta de judô, o trabalho desenvolvido com os atletas e o esporte em si, como forma de inclusão social. Conversamos também sobre a minha atuação como vereador, na área lúdica, com várias ações para crianças, com o objetivo de que elas deixassem de lado a tecnologia e pudessem interagir umas com as outras. Acredito que isso aniquila o bullying e faz com que os pais participem mais da vida escolar. Dialogamos também sobre projetos que visam a prevenção das drogas entre os jovens. Isso chamou a atenção do governador. Assumi a pasta no dia 1º de janeiro deste ano e começamos a atender federações, ligas, atletas, tanto que agora somos intitulados como a ‘casa do atleta’, porque o atleta aqui tem prioridade, ele tem que ser ouvido, atendido e pode trazer os seus projetos. Também começamos a visitar vários municípios. Toda vez que vou a um município, visito também a câmara da vereadores porque quando há essa sinergia e deixamos de lado as siglas partidárias, automaticamente geramos um benefício muito maior para o esporte. Às vezes, as siglas atrapalham e a maneira republicana de administrar é essa. Não olhamos quem é vermelho, azul, verde ou amarelo, olhamos qual é o interesse e o benefício que vai chegar ali e qual o fomento esportivo que vamos idealizar. De lá para cá, não paramos. Temos a ‘Secretaria Itinerante’, centros de formação esportiva, centros de excelência, fazendo com que as crianças, jovens e idosos, por meio do cartão ‘Vida Ativa’,  possam ter uma vida de qualidade. Cada real investido no esporte significa investir em segurança pública, educação, cultura. Além disso, estamos contribuindo para a construção de uma cidade muito melhor.

 

Agência PRB Nacional – Fale um pouco sobre as ações da secretaria em sua gestão.

Jean Madeira – A secretaria trabalhava com o esporte social de iniciação esportiva no município e depois saltava para centro de excelência esportiva. Porém, ficava uma lacuna de um para o outro. Então, em nossa gestão, criamos 13 centros de formação esportiva, dando oportunidade às crianças que saíram do esporte social e agora vão receber um alimento mais sólido, no que diz respeito à educação esportiva. Temos centros em vários municípios, a exemplo de Itanhaém, Americana e outros. Mapeamos o estado e inauguramos 13 novos centros que ofertam várias modalidades esportivas como boxe, tênis, judô, karatê, além de modalidades coletivas. Criamos também um movimento para a juventude chamado ‘Na Atividade’, onde fazemos convênios com municípios para ações de prevenção às drogas. Infelizmente as drogas são uma realidade no nosso país e não adianta apenas discussões sobre o assunto, é necessário fazer um trabalho, arregaçar as mangas. Quando falo em debate, não estou menosprezado o diálogo e discussões, mas é importante ter ações efetivas como chegar à comunidade e mostrar que a droga mata e destrói. A secretaria está investindo desde a iniciação esportiva ao alto rendimento. É um trabalho gigantesco aqui em São Paulo para que, de fato, possamos fazer com que o estado esteja ativo, movimentado, enérgico e cheio de vida por meio do esporte.

 

Agência PRB Nacional – O esporte é antes de tudo uma ferramenta de inclusão social. Qual o maior desafio em São Paulo?

Jean Madeira – O maior desafio é fazer com que de fato todos os programas existentes dentro da secretaria e os projetos que temos para 2016 se tornem realidade. Por isso, estamos dialogando sempre com a Casa Civil e com o governador. Este ano por exemplo, levamos 1,2 mil atletas de judô uniformizados para o Palácio dos Bandeirantes e trouxemos o governador Geraldo Alckmin, que é faixa amarela, colocamos um quimono nele e fizemos uma faixa como uma homenagem a ele, além de várias apresentações. Nosso objetivo foi fazer com que o governador pudesse compreender a importância do investimento no esporte. Além dessa iniciativa, também realizamos inúmeras outras. O esporte vai além de um convênio ou contrato assinado. Você tem que estar ali firme e sentir, ter contato físico com as pessoas, isso que é legal e é isso que estamos buscando.

 

Agência PRB Nacional – Qual sua expectativa em relação às Olimpíadas do ano que vem?

Jean Madeira – Vai dar Brasil! (risos). Parabenizo a gestão do ministro George Hilton à frente do Ministério do Esporte e o Comitê Olímpico. Muitos questionaram a experiência de Hilton para assumir a pasta e o fato de ser muito jovem para ocupar um cargo no primeiro escalão do governo federal. Mas se esqueceram de que ninguém sabe tanto que não possa aprender e nem tão pouco que não possa ensinar. É isso que o PRB está mostrando na gestão administrativa do esporte. Olha aí os resultados! Os Jogos Pan-americanos, por exemplo, foi um grande avanço do esporte no Brasil. A nossa gestão é humana, isso é fato. Muitos me perguntam: Que equipe imagina para as Olimpíadas de 2016? Brasil, Brasil na cabeça! O ministro George Hilton é assertivo e super acessível, tenho certeza que essa abertura ele dá a todos os demais secretários, para que todos os benefícios e programas do Ministério do Esporte possam chegar aos municípios.

Não é à toa que no início de sua gestão, ele realizou o fórum nacional com todos os delegados esportivos e secretários estaduais, aproximando do ministério todos os aliados do esporte. É a prova de uma excelente gestão. Em cima desses resultados, temos a certeza que o Brasil vai se dar bem nas olimpíadas e que vai nos trazer muito orgulho e acima de tudo, vai nos deixar um grande legado porque o que queremos é que as crianças estejam motivadas, nossos atletas recebam medalhas e cada estado avance. O Brasil vai avançar, gerando oportunidades para todos.

 

Agência PRB Nacional – Como você vê a relação do jovem com a política?

Jean Madeira – É de suma importância. Aquele que não gosta de política será governado por quem gosta. A juventude tem que compreender que eles têm uma coisa que se chama ‘força’. Agora, ela precisa ter ordem. Uma juventude organizada vai canalizar a sua força naquilo que é correto, bom e que vai trazer benefício para o país, estados e municípios.

A nossa juventude precisa ter essa consciência e tenho certeza que o coordenador Renato Junqueira (coordenador nacional do PRB Juventude) tem feito um excelente trabalho em todo o país. Em São Paulo, a juventude republicana é representada pelo Peterson Pepe, que também é um militante e uma pessoa que está sempre nas comunidades e periferias, levando voz e vez aos nossos jovens. Tudo o que a juventude precisa é ser ouvida. Agora, sabemos que o jovem faz barulho, mas precisa ser ouvido. Mas na hora de falar, ele precisa ter prioridade e tem que mostrar quais são seus ideais. O PRB tem formado jovens visionários, que tem uma mente formada e que vão de fato revolucionar este país. A juventude tem que estar envolvida em discussões políticas, desde os grêmios estudantis, caso contrário, ele transfere o poder dele para outra pessoa.

 

Agencia PRB Nacional – Você acredita que por meio do esporte é possível garantir aos jovens novas oportunidades?

Jean Madeira – O esporte integra. Por si só ele já gera oportunidades. Estive em Ribeirão Preto para reinaugurar um centro de excelência do judô e na oportunidade conheci um rapaz que o sonho dele era ser traficante. Tudo o que ele tinha na comunidade era isso, o traficante era sua referência. Quando ele conheceu o esporte, mudou totalmente seu pensamento. Agora, ele quer ser um medalhista e campeão de judô. Isso quer dizer que, de fato, o esporte trouxe para ele perspectiva de vida. O esporte faz com que nossa juventude possa ter um novo norte e padrão de vida e começar a sonhar.

 

Agência PRB Nacional – Sobre as eleições do próximo ano, vai concorrer a algum cargo eletivo?

Jean Madeira – Eu sou um bom servo do meu partido. Eu sirvo ao povo e fielmente ao PRB. Aquilo que for melhor para o partido e para o povo, estarei à inteira disposição. Não posso dizer que sim ou não. Tudo vai depender do direcionamento da executiva do partido em São Paulo.

 

Agência PRB Nacional – Quem é Jean Madeira?

Jean Madeira – Tenho 38 anos, sou locutor, faixa preta de judô, pai de uma menina de 12 anos e casado. Estou com minha esposa desde os meus 16 anos de idade, minha eterna namorada, e juntos sempre trabalhamos na recuperação dos jovens em situação de vulnerabilidade social. Jean Madeira é essa pessoa que gosta de fazer o bem e nas oportunidades que tem, usa aquilo que recebeu e o poder que foi confiado para fazer o bem. Já que é madeira, é pau para toda obra! Isso me define.

 

Agência PRB Nacional – Qual a mensagem que você deixa para a juventude, profissionais do esporte e população paulista?

Jean Madeira – Vou deixar uma mensagem que o meu pai deixou antes de falecer. Aos 25 anos de idade, perdi o meu pai. No momento em que esperávamos o socorro decorrente de um derrame eu disse: Pai, por favor, não morra! Ele olhou nos meus olhos e disse: Jean, um guerreiro nunca morre! E é esse espírito que eu carrego dentro de mim, um espírito aguerrido, de lutar pelos ideais, de aprender a lutar e levantar. A vida é assim, ela derruba, mas se somos guerreiros, levantamos. Então, Brasil e jovens, vocês são guerreiros e que esse espírito de guerra não morra dentro de vocês. Sempre lute pelos seus ideais e objetivos porque todos o seus sonhos podem se tornar realidade.

 

Fonte e foto: Agência PRB Nacional de Notícias

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest