“Quero fazer sempre mais pelo povo do Maranhão”, diz Júnior Verde

junior-verde-prb-foto-kristiano-simas-14-03-16

 

A entrevista desta semana é com o republicano Júnior Verde. Ele está no primeiro mandato de deputado estadual na Assembleia Legislativa do Maranhão. Nascido em Santa Inês, no interior do estado, Júnior Verde foi feirante na capital São Luís e com muito esforço conseguiu se formar em História e Filosofia pela Universidade Federal do Maranhão. Servidor de carreira da Polícia Civil, ele atuou como investigador por oito anos, foi professor e, antes de se eleger em 2014, ocupou o cargo de Superintendente Federal de Pesca e Aquicultura do Estado.

Casado e pai de um menino de 11 anos, o parlamentar do PRB tem dedicado o mandato para melhorar as condições de vida do povo maranhense. Ele tem tido uma atuação intensa nas áreas de segurança pública, geração de emprego, saúde e melhoria das condições das estradas do estado.

 

ENTREVISTA

Agência PRB Nacional – Para começar nossa entrevista, conte um pouco da sua história de vida.

Júnior Verde – Eu sou do interior do Estado do Maranhão, mais precisamente do município de Santa Inês. A origem da minha família é da lida no campo, vocacionada à atividade rural. Eu e meus irmãos fomos criados no interior. Meus pais eram agricultores e meu pai também foi pescador, mas sempre sonhou em ver os filhos formados e, por conta disso, levou toda a família para capital São Luís. Chegando aqui, fomos trabalhar na feira da Cohab, nos empenhando ao máximo para garantir o sustento. Claro que, paralelo ao trabalho, nós estudávamos. Por conta da educação e da minha dedicação, consegui ser aprovado no vestibular para dois cursos na Universidade Federal do Maranhão. Lá, eu fiz Filosofia e História. Logo em seguida, fui aprovado no concurso da Polícia Civil, onde atuei até 2010 como investigador. Depois disso, fui convidado pelo partido e assumi um cargo federal, que foi o de Superintendente do Ministério da Pesca e Aquicultura do Maranhão, onde fiz um trabalho intenso em todo o estado e me credenciei a pleitear uma vaga na Assembleia Legislativa. Tudo isso foi reflexo da interação com a sociedade maranhense, levando projetos como a fábrica de gelo, caminhões, projetos como o “Pescando Letras” e outros do próprio Ministério da Pesca. Diante de tudo isso, conseguimos ganhar a eleição de 2014 e estamos agora como deputado estadual, dando continuidade ao trabalho social.

 

Agência PRB Nacional – Como foi o início na política e seu ingresso no PRB?

Júnior Verde – Eu sempre fui envolvido com os movimentos sociais e, paralelo a essas atividades, acompanhei a trajetória política do meu irmão, o deputado federal Cleber Verde (também presidente estadual PRB Maranhão), quando ele esteve como vereador de São Luís. Sempre fiz um trabalho social na capital com reuniões, palestras e eventos de uma forma em geral. Após esse trabalho tive a oportunidade de ser dirigente partidário da legenda que eu fazia parte antes de me filiar ao PRB.

 

Agência PRB Nacional – O que lhe motivou a entrar para a política?

Júnior Verde – Foi a oportunidade de ajudar as pessoas de forma mais efetiva. Eu fiz isso em todas as atividades que já desempenhei. Foi assim quando fui professor da rede municipal de Brotas, lecionando e levando conhecimento às pessoas. Nas atividades sociais, durante a militância política, conheci as possibilidades de resolver questões e problemas dos mais diversos, além da oportunidade de interagir com várias pessoas que ocupam cargos públicos. Nessa perspectiva, sempre busquei soluções para os problemas individuais e coletivos. Só para você entender melhor, todos os projetos apresentados, pelo então vereador Cleber Verde, trouxeram resultados positivos para a população e isso me motivava a assumir um cargo público e ajudar ainda mais as pessoas. Eu não vejo o mandato como uma questão de poder, pelo contrário, sempre interagi com a responsabilidade, até porque ao conquistar o mandato vem a obrigação de sempre fazer mais pelo povo. Sei da minha responsabilidade de fazer mais pelo povo do Maranhão.

 

Agência PRB Nacional – Podemos dizer que o PRB é um partido diferente dos demais?

Júnior Verde – O PRB tem histórico de dedicação às causas sociais. É um partido que nasceu com uma visão de política social muito forte. Eu sempre digo que a verdadeira política é aquela que é feita pensando no bem comum e o nosso partido faz essa política, que é a social. É esse comprometimento que estamos defendendo na Assembleia Legislativa do Maranhão. Cada projeto que nós apresentamos, não é simplesmente o deputado Júnior Verde que faz, tem toda uma ideologia de homens e mulheres que defendem uma sociedade mais justa, igualitária e melhor para todos. Esse é o legado que queremos deixar da nossa contribuição como parlamentar pelo PRB. O partido faz uma política diferenciada, de atenção às pessoas e comprometida com a sociedade. É que nós queremos fazer com que as pessoas percebam que o PRB é mais do que uma sigla partidária, ele representa toda uma convicção de quem realmente está interagindo com os outros, no sentido do propósito firme de mudar a sociedade. O PRB é um partido que vê no outro a si mesmo, em que as pessoas que querem promover as verdadeiras transformações sociais, homens e mulheres valorosos, que têm a oportunidade de colocar a boa política em prática.

 

Agência PRB Nacional – Com relação à sua atuação parlamentar, o senhor tem apresentado muitas propostas, inclusive uma que sugere a criação do Conselho Estadual de Segurança Pública do Maranhão. Como está o andamento dessa iniciativa?

Júnior Verde – Estamos na fase final da elaboração da minuta do Projeto de Lei. A proposta está avançando bastante e é reflexo da parceria que fizemos com os conselhos comunitários de segurança. Fizemos reuniões com os conselheiros do estado que já fazem esse trabalho há mais de 10 anos, sem nenhuma regulamentação da atividade. Por conta disso, nós estamos buscando a consolidação dos direitos e, acima de tudo, da participação da sociedade na segurança pública. A população precisa ser ouvida e ao fazer a lei, estamos querendo criar a possibilidade das pessoas participarem de forma efetiva na elaboração das políticas para a área, até porque esse é um princípio constitucional. A segurança pública é um dever do Estado, mas direito e responsabilidade de todos. O caminho que acreditamos ser o ideal para cumprir esse princípio é aproximar a polícia da comunidade. Essa é uma das nossas iniciativas, tivemos outros projetos em 2015 e no início deste ano. Um exemplo do nosso trabalho foi a Lei de Organização Básica do Corpo de Bombeiros e a Lei das Promoções para valorizar os policiais que conseguimos aprovar. Essas são iniciativas do Poder Executivo que precisamos destacar, mas que chegaram a essa Casa e foram acolhidas por nós. Outra atuação importante foi a criação da Frente Parlamentar de Segurança Pública e Privada, que não existia na assembleia, e a qual tenho a honra de estar como presidente.

 

Agência PRB Nacional – Recentemente a assembleia aprovou um projeto do senhor que regulamenta o cultivo de camarão. O que essa aprovação representa para as pessoas que tiram o sustento dessa atividade?

Júnior Verde – Representa a possibilidade de investimentos na cadeia produtiva. A carcinicultura é uma atividade forte em outros estados e no Maranhão não temos grandes exemplos. Mas, com um estudo que nós fizemos em parceria com a Associação Brasileira de Criadores de Camarão (ABCC), quando eu estava como superintendente da Pesca, conseguimos detectar que o estado tem mais de 20 mil hectares de áreas propícias ao cultivo do camarão só na baixada maranhense e em alguns municípios! O Maranhão tem muitas áreas boas para a atividade, só que não tinha nenhuma legislação sobre o tema e dentro da condições de legalidade. Nós tivemos essa preocupação em regulamentar a atividade e a proposta foi aprovada pela assembleia. Acredito que será sancionada pelo governador. Vai ser bom para o estado a promoção da carcinicultura porque fará com que os empresários de outros estados possam investir no Maranhão. Nós temos áreas apropriadas para o cultivo, teremos a legislação e queremos ter as condições de promover essa atividade em todo o estado. Então, o objetivo é desenvolver a economia do Maranhão por meio de um setor que, até então, não temos quase nada de produção. A aprovação dessa lei é uma oportunidade para diversificar a atividade econômica e fortalecer economicamente o estado. 

 

Agência PRB Nacional – O senhor tem cobrado a recuperação de trechos de várias estradas maranhenses e também a construção do Hospital Regional de Balsas. Esses requerimentos avançaram?

Júnior Verde – Estamos avançando. O Governo do Estado tem uma política voltada para recuperação das estradas, inclusive, já conseguimos a ordem de serviço para pavimentação completa da MA 06, que liga Pedro Rosário a Zé Doca, com extensão de 42 km. As obras foram iniciadas e ainda este ano devem ser concluídas. Essa estrada ligará as regiões da Baixada Maranhense e do Alto Turi, ou seja, é uma via de integração estadual. Recentemente, obtivemos outra grande conquista. O governador autorizou e está sendo pavimentada a MA 034, que vai ligar o município de Chapadinha a Brejo. Só para ter uma ideia, a entrada do município de Brejo estava intrafegável, praticamente não tinha mais asfalto, era só buraco. Na última reunião que tive com o governador, ele ligou para o secretário de Infraestrutura e determinou que essa via fosse recuperada imediatamente. Então, a gente comemora essas conquistas pela importância que as estradas têm para o desenvolvimento social do povo maranhense. O PRB tem trabalhado muito para promover as melhorias necessárias. Eu me orgulho de estar como deputado estadual e ter a possibilidade de ser uma voz em defesa da população do meu estado. O governador Flávio Dino, gostaria de registrar isso, tem sido muito sensível às causas sociais e tem nos ajudado nessa missão. Nós conhecemos o Estado do Maranhão e, por isso, que tenho feito esses requerimentos para recuperação das estradas.

Sobre a construção do Hospital Regional de Balsas, conseguimos avançar bastante. Eu trabalhei no município quando era professor e conheço bem a realidade de lá. Balsas é uma regional composta de 14 municípios e uma população em média de 400 mil habitantes, que precisa de um hospital com porte de atender toda a região. Nós conversamos com o governador e, infelizmente, o projeto estava com alguns erros técnicos de concepção e o governo pediu para corrigir, até mesmo porque estamos falando de dinheiro público que precisa ser investido com eficiência, sem desperdício. Eu acredito que, ainda este ano, todas essas dificuldades serão superadas e teremos mais um hospital regional no estado para levar saúde pública ao povo maranhense.

 

Agência PRB Nacional – Deputado, obrigado pelas informações e pela contribuição que o senhor tem dado à melhoria da qualidade de vida do povo maranhense.

Júnior Verde – O agradecimento sou eu quem faço, pela oportunidade que vocês me deram para falar do nosso trabalho aqui no estado.

Por Agência PRB Nacional
Foto: Kristiano Simas / Agência AL

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest