“Não me considero influente, apenas encontrei no PRB pessoas que pensam como eu”, revela Emanoel

entrevista-da semana-vereador-emanoel-gomes-prb-parana-09-06-14

 

Apesar de ter nascido em Arco Verde, em  Pernambuco, ele se mudou ainda adolescente para o estado do Paraná, onde trabalhou até completar 30 anos. Em parceria com um grupo religioso chamado “Força Jovem”, nosso entrevistado realiza trabalhos de recuperação de jovens usuários de drogas, além de participar de vários projetos sociais e assistenciais desenvolvidos em Curitiba. Foi nas eleições de outubro de 2012 que ele se elegeu vereador na cidade de Londrina pelo PRB com 3.213 votos, para o mandato de 2013 a 2016 . Nesta semana, você conhecerá Emanoel Edson Gomes, nosso vereador nota 10.

 

ENTREVISTA

1 – Qual foi a principal dificuldade na campanha de 2012 para vereador, sendo sua primeira campanha política? E qual o principal incentivo que obteve?

Emanoel Edson Gomes – Bem, antes de me candidatar eu já tive experiências em campanhas políticas apoiando deputados estaduais e federais. Embora tenha chegado em Londrina em 2011, me dediquei em aprender sobre a realidade local, e mesmo antes de pensar em me candidatar já ajudava a comunidade em projetos voluntários e sociais.

Posso dizer então que minha principal dificuldade foi apenas em ser um munícipe recém-chegado em Londrina. Pessoas até diziam: “… o Emanoel precisa de GPS para andar na cidade…”.  E isso fez com que algumas pessoas me julgassem sem antes me conhecer. Eu realmente era novo na cidade, mas em dois anos de londrinense tinha feito muito mais do que veteranos que só se aproveitavam da cidade.

Agora, o lado positivo foi que em nossa campanha as coisas foram acontecendo naturalmente, as pessoas entravam na campanha pela causa e não por interesses pessoais, e foi isso que deu um “up” na campanha e com certeza uma atitude essencial para nossa vitória com 3.213 votos.

 

2 – Em um ano e sete meses de mandato, qual é sua avaliação da política em Londrina e no Paraná?

Emanoel Edson Gomes – Veja bem, Londrina passava por um momento difícil na Câmara de Vereadores e na Prefeitura, vários escândalos e corrupções tinham recentemente denegrido a imagem da cidade. E a sociedade, com toda razão, queria uma mudança. Esse quadro fez com que o poder do povo prevalecesse, e uma revolução política tinha então acontecido em Londrina. Com toda essa mudança no município o quadro político no Estado também teve alterações, porém ficamos sem representantes suficientes para garantir bons incentivos e investimentos na cidade.

 

3 – Sua influência política tem crescido numa proporção fora do comum, o senhor atribui esse crescimento a que?

Emanoel Edson Gomes – Não me considero influente, apenas encontrei no PRB pessoas que pensam como eu, que entendem e buscam atender aos anseios da sociedade, e como Londrina precisa de uma atenção maior decidi me empenhar em utilizar a estrutura do partido para lutar por melhorias na comunidade londrinense. Até mesmo porque Londrina não tem representantes suficientes na Assembleia Legislativa e nem na Câmara de Deputados. Então essa influência veio por consequência da minha busca em atender o povo.

 

4 – Quais projetos de sua autoria têm maior relevância para Londrina?

Emanoel Edson Gomes – A nossa preocupação é desenvolver projetos que venham, de fato, impactar a vida da sociedade. Sempre procuramos ouvir a comunidade e especialistas antes de levar a ideia adiante, até porque sabemos que muitas vezes podemos encontrar algumas barreiras para a aprovação dos projetos. Dessa forma, tentamos evitar os vícios de iniciativa.

Dentre todos os projetos de lei que já apresentamos, temos duas ideias que já viraram leis e estão beneficiando a sociedade londrinense: Uma diz respeito ao direito dos deficientes visuais de receberem suas faturas e correspondências em braille para que elas tenham conhecimento do que está sendo cobrado efetivamente e possa reclamar caso se sinta prejudicada. A outra é sobre a proibição da pessoa estacionar o carro em uma rua, na frente de casa, num posto de combustível, etc, e ligar o som no último volume. Isso atrapalha quem está em volta, propicia o consumo de drogas e bebidas alcoólicas e é infração grave perante o Código de Trânsito Brasileiro.

Temos ainda alguns projetos que estão em tramitação na Câmara que, se aprovados, vão trazer um benefício para os londrinenses. É o caso do projeto que permite a isenção do pagamento do IPTU para os contribuintes que comprovarem algumas doenças graves, como câncer, AIDS e doentes em estado terminal.

 

5 – O que o senhor faria se fosse deputado?

Emanoel Edson Gomes – Não parei para pensar nisso ainda, mas faço do meu atual mandato um exemplo de como atuaria na Assembleia Legislativa ou na Câmara dos Deputados. Eu lutaria pela melhoria da qualidade de vida, melhoria na saúde, empenho para incentivar a produção e consumo do peixe, lutaria para uma educação com muito mais qualidade e principalmente na valorização da pessoa humana.

 

6 – O senhor pretende ser candidato a deputado?

Emanoel Edson Gomes – Quando se pensa em fazer o bem para as pessoas, iniciamos fazendo sem ter mandato algum. Como vereador posso ir até certo ponto para ajudar as pessoas, já como deputado terei mais atribuições e com certeza poderei fazer mais. Em abril, tive uma conversa com o presidente estadual do partido (Oliveira Filho) e ele me disse que alguns filiados de Londrina e região me indicaram para concorrer às eleições de 2014. Quando soube fiquei surpreso, mas também me fez refletir no que poderia fazer pelo povo. Então, me coloquei à disposição do presidente e na próxima convenção do PRB Paraná estarei também à disposição dos filiados para que possam escolher entre mim e outros pré-candidatos.

 

7 – Qual sua opinião sobre a Copa deste ano?

Emanoel Edson Gomes – Como todo brasileiro, gosto muito de futebol, gosto da adrenalina de torcer para um time que representa meu país numa competição tão a cara do Brasil. Porém, me decepciono em saber que precisamos de água no Nordeste, saúde em todo país, educação “padrão FIFA”, infraestrutura para todas as cidades e comida na mesa de muitas famílias. Então, toda essa alegria do futebol se acinzenta pela falta de respeito com a coisa pública e principalmente com quem faz desse grande e imenso pedaço de terra um país, o povo brasileiro.

 

8 – Na sua opinião, como uma sociedade deve agir para eleger bons políticos?

Emanoel Edson Gomes – Acredito que a sociedade civil, quando organizada, consegue discutir ideias e entender a política local, consegue juntar forças e chamar a atenção para as demandas que somente a comunidade sabe quais são. Acredito em associações de moradores, de mulheres, de idosos, de estudantes e associações de classes. Somente assim os verdadeiros interesses coletivos serão discutidos. Quando a sociedade se reúne nada e nem ninguém pode deter o objetivo comum. Por isso, sou parceiro da Federação de Associações de Moradores do Estado do Paraná (FAMEP), apoio as concentrações de classe e essa é minha opinião, a sociedade precisa se organizar e somar forças para poder fazer reivindicações mais eficazes.

 

9 – Que conselho daria para quem deseja disputar uma eleição?

Emanoel Edson Gomes – Honestidade, renúncia e foco! Diferente do que muita gente pensa, ser político não é nenhum mar de rosas. Quando somos honestos não nos rendemos às barganhas e negociatas para “crescer”na política. Por isso, temos de renunciar muita coisa para não cairmos nas “armadilhas”que os corruptos podem nos cercar. E, por último, não se pode perder o foco. Geralmente as pessoas que querem se candidatar já têm uma mentalidade de construir uma sociedade mais justa, e não se pode perder isso com o tempo, manter o foco sempre.

 

10 – O que é ser 10 para o senhor?

Emanoel Edson Gomes – Ser 10 é ser republicano, é ser humano, é ser do povo, é fazer pelo povo e para o povo. Ser 10 é entender que precisamos mudar o Brasil. Aproveito para deixar um grande abraço a todos que leem está entrevista e vamos que vamos por um Brasil melhor!

 

Texto e foto: Ascom – vereador Emanoel Gomes

 

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para a deputada federal Tia Eron

dep.tiaeron@camara.leg.br
(61) 3215-5618

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU EMAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest