Marinho quer ouvir Ricardo Teixeira, José Hawilla e José Lázaro Margulies na CPI da FIFA

Marinho quer ouvir Ricardo Teixeira, José Hawilla e José Lázaro Margulies na CPI da FIFA

Para Márcio Marinho, os três depoimentos darão maior lucidez aos trabalhos da CPI

Brasília (DF) – O líder do PRB na Câmara, deputado federal Márcio Marinho (BA), apresentou três requerimentos de convocação para ouvir o ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira, o advogado, jornalista e empresário José Hawilla e o empresário José Lázaro Margulies na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da FIFA e CBF. Segundo o republicano, os três depoimentos darão maior lucidez aos trabalhos da CPI.

“Ricardo Teixeira é um dos nomes envolvidos no escândalo da FIFA, um dos maiores casos de corrupção no futebol mundial. Ao todo, 16 dirigentes foram acusados no processo, que teve início com a prisão, entre outros, do ex-presidente da CBF, José Maria Marin. Teixeira foi acusado de receber suborno por contratos ligados a competições da Conmebol e da CBF. E também pelo contrato de patrocínio estabelecido pela entidade em 1996 com uma empresa americana de material esportivo. No caso desse contrato, a acusação é que Teixeira recebeu cerca de 20 milhões de dólares de propina (metade da comissão que a Traffic, empresa de marketing, teria direito)”, disse Marinho.

Para ele, outro depoimento que deve ajudar a elucidar os crimes de corrupção envolvendo a FIFA é o do empresário José Hawilla. ‘O empresário brasileiro José Hawilla é proprietário da Traffic, empresa especializada em marketing esportivo e responsável pelo marketing da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da Seleção Brasileira de Futebol, que é detentora dos direitos comerciais da Copa América, Copa Mercosul, torneios pré-olímpicos, campeonatos sul-americanos sub-17 e sub-20. Réu confesso no processo, Hawilla revelou à Justiça Americana que, desde 1991, tem a prática de pagar propinas por contratos de direitos de transmissão de competições oficiais. E disse ter consciência de que a prática era ilegal”, argumentou o líder do PRB.

Segundo Marinho, essas confissões são relatadas em documentos liberados pelas autoridades dos EUA. “Documentos apontam que o dono da Traffic selou contratos de direitos de transmissão de competições como Copa América, Copa Ouro e Copa do Brasil, além de patrocínios à Seleção Brasileira, por meio dessa prática. Por estar envolvido diretamente nesses escândalos acreditamos que sua convocação traria maior lucidez aos trabalhos desta CPI”, disse.

O último convocado a prestar esclarecimentos é o empresário José Lázaro Margulies, que também foi indiciado por corrupção pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos. “Ele é apontado como suspeito de ter intermediado pagamentos ilegais quando trabalhava com a venda de direitos de transmissão para a empresa de marketing esportivo Traffic, do também empresário José Hawilla”, acrescentou Marinho.

Texto: Mônica Donato / Ascom – Liderança do PRB
Foto: Douglas Gomes

Eu repórter republicano

Quer ser um repórter republicano e ver sua matéria publicada no Portal PRB? É muito simples. A Agência PRB Nacional disponibiliza um contato direto para receber todo o conteúdo (textos e fotos). Anote aí o e-mail: pautas@prb10.org.br. Viu como é fácil? Agora é só participar e nos ajudar a manter esse canal sempre atualizado.

REPORTAR ERRO

Informar erro

COMPARTILHE

FALE CONOSCO

O PRB está de portas abertas para ouvir você

Sugestões, críticas, dúvidas e elogios

faleconosco@prb10.org.br

FALE COM O PARLAMENTAR

Nesta semana, envie sua mensagem para o deputado Sérgio Reis (PRB-SP)

dep.sergioreis@camara.leg.br
ou (61) 3215.5213

QUEM É QUEM

Conheça as lideranças do Partido Republicano Brasileiro

CONFIRA

EU REPÓRTER

Deseja indicar uma matéria para sair aqui no Portal PRB?

pautas@prb10.org.br

RECEBA NO SEU E-MAIL

Enviamos para seu email os destaque da semana.
Faça parte do Boletim 10!

Respeitamos seu email. Não gostamos de SPAM.

Você foi inscrito com sucesso!

Pin It on Pinterest